Informação Livre Sorocaba e Região

Câmara de Sorocaba terá sessões mistas

Os vereadores poderão participar de forma presencial ou virtualmente, sem a presença de público
Câmara de Sorocaba terá sessões mistas
Crédito da foto: Pedro Negrão / Arquivo JCS (16/2/2021)

As sessões da Câmara de Sorocaba voltarão a ser realizadas no horário regimental de forma mista, isto é, os vereadores poderão participar de forma presencial ou virtualmente, sem a presença de público.

As sessões solenes e audiências públicas também poderão ser realizadas de modo presencial ou virtual, sendo permitida a presença de, no máximo, 18 pessoas, além dos vereadores.

A decisão foi anunciada pela Câmara nesta quinta-feira (4) por conta da confirmação de um novo caso confirmado de Covid-19 nesta semana, relativo à assessoria de um vereador da Casa, além de mais quatro casos suspeitos.

Em 2021, a Câmara teve 14 casos confirmados de Covid, sendo um vereador (Cristiano Passos, do Republicanos), sete assessores de vereadores e seis servidores.

Desde março de 2020, quando a pandemia começou, a Câmara registrou 46 casos confirmados da Covid, sendo dez vereadores.

Leia mais  Procon notifica Caixa sobre ganhador da Mega

“O novo caso e os quatro casos suspeitos elevam nosso nível de alerta e nos faz tomar medidas de precaução, para manter a segurança sanitária e evitar a interrupção dos serviços legislativos”, disse o secretário geral da Câmara, Jonata Elias Mena.

PIB de São Paulo

O Produto Interno Bruto (PIB) de São Paulo cresceu e se destaca em meio à queda da economia nacional e mundial. O PIB paulista registrou expansão de 0,4% em 2020, enquanto a economia mundial recuou 3,5%. No Brasil a retração foi ainda maior, de 4,1%.

De acordo com cálculos da Fundação Seade, o Estado já havia registrado crescimento acima da média nacional em 2019, com 2,2% pontos enquanto o Brasil registrou 1,4%.

Os dados apresentados pelo secretário da Fazenda e Planejamento, Henrique Meirelles, demonstram que houve significativa recuperação, de 9,8%, a partir do terceiro trimestre, após retração de 6,3% no segundo trimestre.

Leia mais  Piedade libera abertura de academias e venda presencial em comércios

O desempenho geral foi puxado pelos setores de serviços e tecnologia, que representam 77% da economia. “É um resultado extraordinário, dadas as condições que todos enfrentamos, com os efeitos de uma crise sanitária de escala mundial”, disse Meirelles.

Previsão para 2021

De acordo com a Fundação Seade, o PIB paulista pode crescer em torno de 5% em 2021. Parte deste desempenho vem do impulso dado pelo ritmo de crescimento do segundo semestre do ano passado.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Patrícia Ellen, também apresentou os dados sobre a geração de empregos no Estado.

São Paulo fechou 2020 com estoque de emprego próximo ao nível de 2019 (-0,01%). “Fechamos com saldo próximo de zero, ou seja, a aceleração que tivemos no segundo semestre compensou a perda que tivemos no pior momento da pandemia”, afirmou Patrícia Ellen.

Leia mais  Decreto em Piedade libera eventos presenciais para igrejas da cidade

Em 2020, a Jucesp teve o melhor saldo líquido de abertura de empresas em São Paulo desde de 2013. Foram abertas 224.153 empresas e o saldo líquido de abertura foi 15% maior do que o registrado em 2019.

A isenção da taxa de abertura de empresas durante o período entre os dias 25 de agosto e 3 de outubro do ano passado auxiliou nesse aumento, conforme o governo de São Paulo.

Comentários