Sorocaba e Região

Caem números de homicídios e latrocínios na região de Sorocaba

Houve queda, também, em casos de roubos em geral, de veículos e de cargas
Caem números de homicídios e latrocínios na região de Sorocaba
É o menor número para o período da série histórica, iniciada em 2001 registrado pela Polícia na região. Crédito da foto: Fábio Rogério (7/10/2020)

A região de Sorocaba fechou o mês de novembro com queda nos casos de vítimas de homicídio doloso e latrocínio, além de redução nos roubos e furtos em geral e de veículos, e roubos de carga. Os roubos a bancos e as extorsões mediante sequestro permanecem zerados.

Os casos de homicídio doloso caíram de 22 para dezesseis na comparação mensal. Já as vítimas de homicídio tiveram queda de 22 para vinte. As taxas dos últimos doze meses (de dezembro de 2019 a novembro de 2020) ficaram em 6,89 casos e 7,22 vítimas a cada grupo de cem mil habitantes.

A região não registrou ocorrência de latrocínio em novembro deste ano. No mesmo mês de 2019, foram contabilizados um caso e uma vítima desse indicador. Nos roubos em geral houve diminuição de 33,7% – foram 209 ocorrências no mês passado, contra 315 em novembro de 2019 (106 casos a menos). É o menor número para o período da série histórica, iniciada em 2001.

Leia mais  Transporte começa a rodar com 13 ônibus a mais em Sorocaba

Os roubos de veículos caíram 33,3%, de 72 para 48 em novembro deste ano. É o menor número para o período da série histórica.

Os roubos de carga tiveram redução de cinco casos no mês. As ocorrências caíram de 14 para nove em novembro.

Os roubos a bancos e as extorsões mediante sequestro permaneceram zerados. Os estupros tiveram alta de 11 ocorrências no mês. A quantidade passou de 106 para 117.

Produtividade

O trabalho das polícias paulistas na região de Sorocaba, em novembro deste ano, resultou em 1.006 prisões e na apreensão de 66 armas de fogo ilegais. Também foram registrados 266 flagrantes por tráfico de entorpecentes. (Da Redação, com informações da SSP/SP)

Comentários