Informação Livre Sorocaba e Região

Azul em vez de verde nos gradis

Nas redes sociais, além de protestos, pessoas comentam que a nova cor tem a ver com a do partido de Manga, Republicanos
Crédito da foto: Fernando Rezende (11/1/2021)

Sorocaba poderá mudar gradativamente a cor dos gradis que cercam grande parte das áreas públicas da cidade, incluindo parques, canteiros centrais e marginais de córregos e do rio Sorocaba. Sai o tradicional verde e entra o intrigante azul.

Em alguns pontos da cidade, isso já ocorreu, como em um parque do bairro Campolim. De acordo com a Prefeitura de Sorocaba, “a mudança de cor dos gradis foi feita em forma de teste, para renovar a imagem da cidade”.

O Executivo ainda informa que será feito, ainda, um levantamento de custo. “A ideia é que a obra possa ser realizada em parceria com a iniciativa privada e por meio do Centro de Aceleração do Desenvolvimento (CAD), em um esforço conjunto com os governos estadual e federal”, argumenta.

Nas redes sociais, os protestos já começaram. Há quem polemize e afirme que as mudanças tem a ver com o partido atual do prefeito Rodrigo Manga (Republicanos), cuja cor predominante é justamente o azul.

Lançamento do Casa Nova Sorocaba

O programa Casa Nova Sorocaba, promessa de campanha de Rodrigo Manga (Republicanos) — em que a iniciativa privada deverá construir casas ou apartamentos em área pública, e parte delas será doada ou terá custo menor para pessoas de baixa renda — será lançado no dia 26. A informação foi confirmada ontem pelo prefeito.

Leia mais  Família procura por homem que desapareceu em Sorocaba

 

Escola sem partido

Alegando garantir a “neutralidade política, ideológica e religiosa do Estado” nas questões de ensino, propiciando o “pluralismo de ideias e concepções pedagógicas” nas escolas, o vereador Dylan Dantas (PSC) protocolou um projeto de lei que institui na rede municipal de ensino de Sorocaba o Programa Escola Sem Partido, que, entre outras medidas, prevê a divulgação nas escolas de um cartaz elencando os deveres dos professores no sentido de propiciar aos alunos um ensino sem doutrinação ideológica. O projeto de lei é assinado conjuntamente pelos vereadores Ítalo Moreira (PSC), Cristiano Passos (Republicanos), Vinicius Aith (PRTB) e pelo Pastor Luis Santos (Republicanos), que já havia apresentado projeto semelhante na legislatura passada.

 

Nomeações

O jornal Município de Sorocaba, de ontem, trouxe a nomeação de dezenas de assessores da Câmara de Sorocaba para a nova legislatura. As portarias foram assinadas pelo presidente da Casa, Gervino Claudio Gonçalves, o Cláudio do Sorocaba I (PL). Entre os nomes conhecidos, Follguy Sanches Garcia. Ela, que já foi assessora parlamentar na Câmara em ao menos duas ocasiões, sendo uma delas no gabinete do então vereador José Crespo (Democratas). Também atuou mo governo de Crespo, em 2017, 2018 e 2019.

Comentários