Buscar no Cruzeiro

Buscar

Tetraneto de D. Pedro ll visita a Fundec

22 de Dezembro de 2019 às 00:01
Manuel Garcia [email protected]
Manuel Garcia [email protected]

Tetraneto de D. Pedro ll visita a Fundec Luiz Antonio Zamuner, presidente da Fundec, César Augusto Ferraz do Santos, presidente da Fundação Ubaldino do Amaral (FUA), Luiz Philippe de Orleans e Bragança e o promotor de Justiça Antonio Domingues Farto Neto. Crédito da foto: Manuel Garcia

Por que o Brasil não é de primeiro mundo, com todo o potencial que tem? Por que acumulamos problemas após problemas, sem resolvê-los à medida que aparecem? Em que ponto da nossa história escolhemos a trilha errada? E por qual caminho precisamos retornar? Luiz Phillipe de Orleans e Bragança, descendente direto dos antigos monarcas do País, respondeu estas e outras perguntas durante sua passagem por Sorocaba para divulgar seu livro “Por que o Brasil é um país atrasado?”. O evento foi realizado na sede da Fundação de Desenvolvimento Cultural de Sorocaba (Fundec). Luiz Phillipe respondeu diversas perguntas e aproveitou para conhecer as instalações do antigo teatro São Raphael (atual sede da Fundec), o qual o seu tetravô, o imperador D. Pedro II chegou a frequentar durante algumas vezes em suas visitas a Sorocaba. O livro escrito por Luiz Philippe traz uma linha do tempo desde a Era Vargas até o pós-impeachment da ex-presidente petista Dilma Rousseff e explica os motivos pelos quais o País não evoluiu, em todos os setores.

[gallery columns="1" size="medium" ids="201851,201845,201847,201846,201854,201850,201849,201848,201844"]

Galeria

Confira a galeria de fotos