Buscar no Cruzeiro

Buscar

Presença: Colar de Visconde de Porto Seguro

26 de Fevereiro de 2019 às 08:01
Manuel Garcia [email protected]
Manuel Garcia [email protected]

Colar de Visconde de Porto Seguro Leônidas Pereira e Ivânia Donato. Crédito da foto: Manuel Garcia

Em homenagem a um dos fundadores da historiografia brasileira, Francisco Adolfo de Varnhagen, o Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba (IHGGS) realizou, no último dia 16, a imposição do Colar de Visconde de Porto Seguro, como era conhecido o pai da história moderna do Brasil.

A condecoração foi criada em 2016, em comemoração do bicentenário do historiador, como uma forma de homenagear as personalidades que se destacam em perseverar a história de Sorocaba e do Brasil. Filho do engenheiro militar alemão Frederico Luís Guilherme de Varnhagen, Visconde de Porto Seguro, nascido na Real Fábrica de Ferro São João do Ipanema, fazia questão de assinar os seus trabalhos como natural de Sorocaba.

A noite foi marcada pela apresentação da orquestra “Big Band” da Escola da Comunidade do Colégio Visconde de Porto Seguro, de São Paulo. A escola da comunidade vem mudando histórias de vidas desde 1966 e atende a 1.600 alunos, de famílias de baixa renda, moradores das comunidades de Paraisópolis e Vila Andrade, na capital Paulista.

Com bolsas de estudo integrais, o projeto oferece a educação básica para alunos de 5 a 17 anos (educação infantil ao ensino médio), a Educação para Jovens e Adultos (EJA) e um curso de artesanato. A Orquestra “Big Band” foi criada em 1996, com o objetivo de ampliar o repertório cultural dos alunos e aproximá-los ainda mais da escola. O grupo conta com uma variedade musical e artística e é regido pelo premiado maestro José Luiz Ribalta.

[gallery columns="1" size="medium" ids="78703,78704,78705,78706,78707,78708,78709,78710,78711,78712,78713"]