Presença

Perseverança III presta homenagens à fraternidade feminina

Fundada em 7 de dezembro de 1979
Perseverança III presta homenagens à fraternidade feminina
Marly Begosso Penteado, Anita Zamuner, Hermínia Barbosa e sua filha Tania Barbosa Pagliato. Crédito da foto: Manuel Garcia

A noite da ultima segunda-feira, dia 11, foi marcada por homenagens para as mulheres da Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul (Frafem), da Loja Maçônica Perseverança III.

Fundada em 7 de dezembro de 1979, pelo saudoso Otto Wey Netto, teve como a primeira presidente sua falecida esposa, Isabel Crespo Wey, que iniciou um trabalho de agregar esposas, viúvas, mães, filhas, netas, mulheres com instinto guerreiro, movidas pelo senso de justiça e a sensibilidade da mulher. Mulheres que acreditam que podem colaborar para a diminuição das carências materiais e afetivas que atingem um grande número de pessoas em nosso mundo.

Desde sua fundação até a presente data, a Frafem vem, com muita sabedoria de suas diretorias, desempenhando da melhor forma as suas funções, cumprindo os seus propósitos e seus objetivos, no sentido de ampliar a confraternização entre os membros da Loja Maçônica Perseverança III, da Fraternidade Feminina e seus familiares. Além disso, a Frafem é um dos braços sociais da Loja Perseverança III, participando ativamente dos eventos de caráter eminentemente filantrópicos promovidos pela Loja, ajudando na manutenção e no apoio das entidades beneficentes ligadas diretamente à Loja Perseverança III.

Leia mais  Lar Escola Monteiro Lobato completa 73 anos

Durante o evento, as ex-presidentes receberam um diploma de gratidão e um ramalhete de flores. O presidente da Loja Maçônica Perseverança III, Hélio Sola Aro, destacou o apoio e a contribuição das mulheres e agradeceu a ajuda que elas prestam nos trabalhos sociais desenvolvidos pela Loja.

A solenidade fez parte dos eventos que estão sendo realizados, desde agosto de 2018, em preparação para o sesquicentenário da Loja Maçônica Perseverança III, que será celebrado em 31 de julho de 2019.

Comentários

CLASSICRUZEIRO