Buscar no Cruzeiro

Buscar

‘Camarón, flamenco después de ti’

13 de Dezembro de 2018 às 00:01
Manuel Garcia [email protected]
Manuel Garcia [email protected]

‘Camarón, flamenco después de ti’ Espetáculo será na Fundec, no próximo sábado, e terá acompanhamento de música ao vivo. Crédito da foto: João Rampim / Divulgação

A Sala Tablado Flamenco reapresenta no próximo sábado, dia 15, às 19h30 na Sala Fundec, o espetáculo “Camarón, flamenco después de ti”. O show -- que já esteve nos palcos do Teatro Municipal Teotônio Vilela, em outubro -- tem como repertório canções compostas e interpretadas pelo cantaor flamenco Camarón de la Isla, falecido em 1992 e considerado grande referência na arte flamenca.

Grande parte dos bailes, executados pelo elenco da Sala Tablado Flamenco, terá acompanhamento de música ao vivo. “Estamos revivendo, neste show, parte da trajetória e legado de Camarón ao cante flamenco. As coreografias foram criadas a partir dessas composições”, diz Thalma Di Lelli, responsável pela direção artística do espetáculo. A direção musical é de Fernando de Marília, que também estará à frente do cante e guitarra flamenca, acompanhado de Alessandro Reiner (percussão/cajón), Micael Pancrácio (guitarra flamenca), e Isabel Pato e Thalma Di Lelli (palmas).

Nascido em San Fernando, em Cádiz, na Espanha, em 1950, José Monge Cruz, o Camarón de la Isla, foi um cantor de origem cigana, que ganhou esse apelido por seus cabelos louros e a pele muito branca. Desde muito pequeno se apresentava em sua cidade natal, tendo se profissionalizado aos 16 anos. Ao longo de sua carreira teve como principal parceiro de música o guitarrista flamenco Paco de Lucia, com quem gravou nove álbuns, entre 1969 e 1977. Quando Paco seguiu em carreira solo, Camarón firmou parceria com Tomatito. Seu disco “La leyenda del tiempo”, de 1979, é até hoje considerado um importante marco do flamenco. “Dançamos ao som das criações que ficaram eternizadas na voz de Camarón. Esse espetáculo é uma maneira de homenageá-lo e reforçar a importância de sua obra para o universo flamenco”, conclui Thalma.

Os ingressos antecipados custam R$ 40 e estão à venda na Sala Tablado Flamenco (rua Mário Campolim, 699, no Campolim), de segunda a quinta-feira, das 17h às 21h e no sábado das 10h às 13h. Reservas podem ser feitas pelo telefone (15) 99788-8898.