Do leitor

Ensino Médio On-Line

A intenção é voltar mesmo a 50 anos atrás, onde só famílias de bom e ótimo poder aquisitivo tinham a satisfação de estudar seus filhos. Com os impostos dos pobres, bancava-se as universidades públicas para os abastados estudarem. Com o vestibular impraticável, se comparado o ensino das escola públicas, com as privadas, Pobre não chegava às universidades. Com a chegada do Enem, Sisu e abriu um leque de oportunidades para todos os estudantes de baixa renda. Bons anos de avanços sociais, mais infelizmente o pobre quis voltar para a senzala. Essa medida vai iniciar a triste decadência do estudo para pobres no Brasil. Lamentavelmente o Brasil de volta ao inferno.

VERA LÚCIA DA COSTA

SÃO BENTO

Acho que deveria jogar com os principais jogadores até o final já que, conforme a colocação, morde uma vaga para Copa do Brasil. Mas parabéns ao nosso glorioso São Bento.

Leia mais  Mão de direção

MARCOS MORAES

TAXA DA ILUMINAÇÃO

Não é possível! Todo final de ano vem com este mesmo projeto! Espero que neste caso nossos nobres vereadores mantenham a mesma postura anterior e não aprovem este descalabro!

MANOEL BATISTA CORREIA

 

DO FACEBOOK

Prefeitura envia novo projeto para taxa de iluminação pública

Chega de impostos. O povo não aguenta mais sustentar o Estado!

Rodrigo Guedes Coelho

Tenha dó não aguentamos mais tantos impostos. Não temos sequer reajuste salarial. Pagamos o suficiente. Espero que a Câmara não aprove mais uma barbaridade.

Luciana Salum

Daí ficam as lâmpadas apagadas e ninguém arruma. #partiuexigirnossodireito.

Jucilene Provasi Ju

Comentários