Objetivo

Entenda a diferença entre uma Educação Bilíngue e aulas de inglês

Compreenda as principais características de cada modalidade de ensino

Qual a melhor forma de se aprender um segundo idioma?

Ninguém se lembra mais de quando um segundo idioma ainda era apenas um “capricho” de poucos. Atualmente, a habilidade de se comunicar em outras línguas é um dos pré-requisitos mais básicos para se destacar no mercado de trabalho. O fato é que uma pessoa bilíngue tem acesso a mais (e melhores) oportunidades de emprego que um monoglota. Além disso, quem fala um segundo idioma pode viver experiências únicas de intercâmbio cultural, o que garantirá diferentes perspectivas no futuro.

objetivo sorocaba bilingue
Créditos: Divulgação

Todas essas oportunidades devem estar no horizonte dos pais ao escolherem a melhor escola para seus filhos. Mas, afinal, qual é a melhor opção para garantir que os pequenos aprendam uma nova língua: Educação Bilíngue ou curso de idiomas? No artigo de hoje usaremos a língua inglesa como exemplo, mas esse conhecimento pode ser aplicado a qualquer língua. Primeiro vamos compreender as principais características de cada modalidade de ensino. Confira:

Escola de Idiomas

O foco de um curso de inglês é exclusivamente o aprendizado da língua estrangeira. Ou seja, o aluno focará bastante nas regras gramaticais, pronúncia e compreensão do dialeto. O estudante geralmente fica exposto ao idioma por, no máximo, 4 horas semanais.

As principais ferramentas de ensino nas escolas de idiomas são os livros didáticos. Através deles, os professores abordam uma grande diversidades de situações específicas como viagens, internet ou relações com amigos estrangeiros.

Educação Bilíngue

Na Educação Bilíngue o foco muda. Os alunos não estudam somente as estruturas e o vocabulário da Língua Inglesa. Ao invés disso, eles são imersos na língua e cultura estrangeira, sendo expostos à elas por muito mais tempo. Essa imersão, que se dá por meio da socialização com pessoas que mantêm um diálogo contínuo na segunda língua, também possibilita o aprendizado das habilidades para viver bem em sociedade, como ter mais autonomia e independência, além do respeito ao próximo.

O planejamento das aulas nos diferentes idiomas é um processo colaborativo que oferece benefícios para todas as disciplinas. Afinal, dessa forma o aluno aprende tópicos de matérias diferentes nas duas línguas de maneira simples e intuitiva. Na Educação Bilíngue, a língua é tanto o conhecimento a ser alcançado como a ferramenta para se alcançar o conhecimento.

objetivo sorocaba bilingue
Créditos: Divulgação

O mito da confusão causada pelo ensino bilíngue

No caso da Educação Bilíngue, a criança está em contato simultâneo com dois idiomas diferentes, e é natural que haja a associação de ambos no primeiro momento. Assim, é possível que seu filho solte frases como eu quero brincar com my toys ou I want a cup of chocolate quente. Mas com o tempo e o acesso a referências tanto em casa como na escola, a criança vai naturalmente diferenciar as 2 línguas.

No entanto, é importante que a família tome cuidado para não pressionar a criança a aprender mais rápido. Cada estudante tem seu próprio ritmo, e a pressão familiar pode acabar levando a uma aversão ao aprendizado. Portanto, certifique-se de que o idioma seja desenvolvido de maneira divertida e natural no cotidiano da criança.