Cultura Mais Cruzeiro

Gabriel Grossi Quinteto é atração no municipal

Gaitista faz apresentação gratuita dentro da 12ª Temporada de Música Instrumental Brasileira de Sorocaba - Metso Cultural
Grossi apresentará composições instrumentais autorais de seu álbum “#EmMovimento”. Crédito da foto: Tomas Faquini/ Divulgação

 

Ídolos que influenciaram Gabriel Grossi e o ajudaram a se tornar um dos melhores gaitistas do mundo na atualidade são homenageados no show do grupo Gabriel Grossi Quinteto, que será apresentado  neste sábado (22) no Teatro Municipal Teotônio Vilela (TMTV). A apresentação integra a 12ª Temporada de Música Instrumental Brasileira de Sorocaba — Metso Cultural, realizado pela MdA International, com patrocínio da empresa Metso.

Com técnica e linguagem admiradas por ninguém menos que Toots Thielemans (1922-2016), gaitista belga responsável por inserir o compacto instrumento de sopro no universo do jazz, Grossi apresentará composições instrumentais autorais de seu álbum mais recente, “#EmMovimento”, que presta homenagem aos ídolos que o transformaram no músico que é hoje. “É um disco que resume as minhas influências e que ajudaram a construir a minha própria personalidade”, diz.

Gravado ao vivo na Funarte Brasília e lançado em CD e DVD, o álbum teve como convidados especiais dois dos “principais pilares” na formação musical de Grossi: Maurício Einhorn, seu ex-professor e referência da gaita brasileira, e o multi-instrumentista Hermeto Pascoal. O quinteto do virtuoso gaitista é formado pelo pianista Eduardo Farias, o baixista André Vasconcellos, o trombonista Sérgio Coelho e o baterista Rafael Barata que, no show de hoje, será substituído por Sérgio Machado.

Leia mais  Maior casa de shows de SP fecha

Além de “Acalanto” e “Irmãos latinos”, com participações de Einhorn e Hermeto respectivamente, o disco inclui composições de Gabriel Grossi escritas em homenagem ao cantor e compositor Milton Nascimento (“Pro Bituca”) e ao trombonista Raul de Souza (“Toca Raul”). Destaca que, por sermos contemporâneos a eles, muitas pessoas não têm ideia “do quanto esses caras são importantes”. “Daqui um tempo, a gente vai se lembrar que eles foram os grandes criadores da música brasileira. Foram eles que começaram a desenhar a autêntica linguagem e personalidade da música instrumental brasileira e se tornaram referências para todos os músicos, do Brasil e do mundo, que vieram depois”, diz Grossi.

Choro

Juntamente com esses nomes contemporâneos, com quem Grossi comemora “a sorte” de ter convivido e dividido palcos, o disco celebra o legado herdado por Toots Thielemans (com o tema autoral “Samba pro Toots”), Heitor Villa-Lobos, com a releitura de “Prelúdio das Bachianas Brasileiras, No. 4” e da escola do choro, com “Carinhoso”, de Pixinguinha. Vale destacar que o choro foi o gênero responsável por consolidar as bases do músico que iniciou a carreira profissional aos 18 anos no Clube do Choro, em Brasília, ao lado de nomes como o bandolinista Hamilton de Holanda, com quem toca junto até hoje.

Já Toots Thielemans mereceu uma homenagem à parte, feita por Grossi e seu parceiro Alex Rossi, por meio do projeto “We do it out of love”, no qual juntaram 28 gaitistas de vários lugares do mundo para prestar essa homenagem ao mestre. “Eu pude entregar pessoalmente o disco a ele e a gente ouviu juntos. Ele estava com 94 anos e faleceu quatro meses depois”, relata Grossi. “Fiquei muito impressionado com Gabriel Grossi. É um gaitista que toca com enorme facilidade e um músico de grande explosão. Também fiquei admirado com suas composições e seu domínio da linguagem brasileira”, comentou Toots Thielemans.

Leia mais  Paulo Gustavo segue estável e passa por pleuroscopia

Além de músicas de seu novo disco, o 11º da carreira, incluindo em duos, como o pianista Amilton Godoy e o violonista Marco Pereira, entre outros, o gaitista promete apresentar composições inéditas ao público sorocabano. Outra novidade, promete o Grossi, será o uso de uma gaita Midi, capaz de reproduzir digitalmente timbres de outros instrumentos musicais. “É uma novidade no mercado. E meu brinquedo novo”, conclui.

Serviço
Gabriel Grossi Quinteto
Sábado (22), às 20h30
Teatro Municipal Teotônio Vilela (TMTV) — ao lado do Paço Municipal
Entrada gratuita (os ingressos serão distribuídos no local a partir das 19h30)

Comentários