Buscar no Cruzeiro

Buscar

Economia

PIB da China tem alta anual de 7,9% no 2º trimestre

16 de Julho de 2021 às 00:01
Estadão Conteúdo e Redação
 Bandeira da China.
Bandeira da China. (Crédito: pixabay.com)

O Produto Interno Bruto (PIB) da China registrou alta anual de 7,9% no segundo trimestre de 2021, segundo dados publicados no final da noite de quarta-feira, no horário de Brasília, pelo Escritório Nacional de Estatísticas (NBS). A leitura veio em linha com a expectativa de analistas consultados pelo Wall Street Journal. Na comparação com o trimestre anterior, o PIB chinês mostrou avanço de 1,3% entre abril e junho e, no primeiro semestre deste ano, a expansão do indicador foi de 12,7%. Não havia projeção do WSJ para esses dois intervalos.

A produção industrial da China registrou alta anual de 8,3% em junho, informou também o NBS. A taxa de expansão representa uma desaceleração ante os 8,8% registrados em maio, em mesma base de comparação. Contudo, o número veio acima das projeções de analistas ouvidos pelo Wall Street Journal, cujo consenso era de avanço de 7,8%. Na comparação mensal, o indicador subiu 0,56%, após 0,52% em maio.

Indicadores econômicos divulgados pela China mostram uma desaceleração do processo de retomada da economia após o choque da Covid-19. Por outro lado, nenhuma leitura frustrou o mercado -- e a maioria, inclusive, superou as expectativas. As variações menos expressivas devem ser ponderadas pela redução do efeito da base de comparação fraca, mais pronunciado no primeiro trimestre, período que, em 2020, representou o ápice da crise do coronavírus no país asiático. (Estadão Conteúdo e Redação)