Exterior

Veterano de guerra de 99 anos vira ‘herói’ ao arrecadar milhões para a saúde britânica

Tom Moore se tornou uma "verdadeira lenda", disse o neto da rainha Elizabeth II
Tom Moore foi um capitão que foi enviado em sua carreira militar para a Índia e Mianmar. Crédito da foto: JUSTIN TALLIS / AFP

 

Um veterano de 99 anos da Segunda Guerra Mundial se tornou um “herói” ao arrecadar mais de 18 milhões de libras (22 milhões de dólares) para o sistema de saúde britânico, que enfrenta a pandemia de coronavírus, ao completar o objetivo que havia estabelecido e “conquistar” o coração da nação.

Tom Moore, um capitão que foi enviado em sua carreira militar para a Índia e Mianmar e que atualmente caminha com a ajuda de um andador, apresentou um um desafio: percorreria a pé 100 vezes os 25 metros de comprimento de seu jardim antes de completar 100 anos, no fim do mês.

Inicialmente, o veterano quase centenário planejava arrecadar 1.000 libras para o Serviço Nacional de Saúde (NHS), onde já foi tratado por um quadril quebrado e por um câncer.

Mas seu esforço – uma incomum notícia agradável em um país afetado pela pandemia, que provocou mais de 14.000 mortes no Reino Unido – o transformou em uma estrela, além de foco da atenção.

“Obrigado a todos pelo maravilhoso apoio. Foi uma experiência memorável”, escreveu Moore na quinta-feira no Twitter ao terminar seu desafio.

A última parte do percurso foi acompanhada por uma Guarda de Honra do Regimento de Yorkshire, e exibida ao vivo pela televisão britânica

Moore já havia elogiado o trabalho dos profissionais da saúde do país.

“É algo maravilhoso, para nossos médicos e enfermeiras que estão na linha de frente”, afirmou, ao comentar a quantia arrecadada.

Alguns membros do NHS, que são aplaudidos todas as noites pela população, prestaram homenagem a Tom Moore. No Hospital Universitário de Aintree, em Liverpool (norte), uma funcionária exibiu uma faixa com a inscrição “Capitão Tom !!!”, que incluía corações e lágrimas de agradecimento.

Embora o desafio do veterano tenha terminado, as doações continuam chegando: cerca de 900.000 pessoas responderam ao seu apelo, incluindo o príncipe William, segundo o Palácio Kensington, que não revelou o valor de sua contribuição.

Tom Moore se tornou uma “verdadeira lenda”, disse o neto da rainha Elizabeth II à BBC.

Sua façanha gerou emulação: uma senhora de 90 anos espera “escalar” o equivalente à montanha Suilven da Escócia (731 metros) subindo os degraus de sua escada 282 vezes.

Margaret Payne lançou esse desafio no domingo, e deve levar alguns meses para completá-lo.

Na sexta-feira, ela já havia levantado 53.000 libras para o NHS, cinco vezes mais do que sua meta inicial. (AFP)

Leia mais  Rússia ultrapassa 32 mil casos de coronavírus
Comentários