Buscar no Cruzeiro

Buscar

Acervo

Vagner Mancini vê ‘maratona’ positiva

20 de Abril de 2021

Vagner Mancini vê ‘maratona’ positiva No quarto jogo em uma semana, Timão venceu o Ituano. Crédito da foto: Rodrigo Coca / Ag. Corinthians (18/4/2021)

Após uma maratona de quatro partidas pelo Paulistão em uma semana, o Corinthians ganhou quatro dias de preparação para a sua estreia na Copa Sul-Americana. Para o jogo contra o River Plate, do Paraguai, em Assunção, na quinta-feira (22), o técnico Vagner Mancini sinalizou que o time não terá muitas novidades na escalação.

O técnico deu indícios que alguns jogadores que não estiveram em campo domingo (18), na vitória por 2 a 0 sobre o Ituano, pelo Campeonato Paulista, serão escalados, como o lateral-direito Fagner, o zagueiro Gil e o lateral-esquerdo Fábio Santos. E ao ser questionado sobre as boas atuações de João Victor, Raul Gustavo, Lucas Piton e Luan contra o Galo, reforçou que ainda não bateu o martelo sobre o time principal.

“Vamos ter um tempo para parar, refletir sobre o que está acontecendo. Não é em uma ou duas partidas que você muda o plano de jogo. É importante quando todos estão buscando um lugar no time porque o time evolui. É importante quando se tem vários atletas para fazer várias funções”, avaliou, se dizendo satisfeito por enquanto. “Para melhorar tem que ter evolução no tático, técnico. Vi atletas bem melhores, teve crescimento, evolução, individual e da equipe num todo”, concluiu.

Otero e Jô fizeram os gols que levaram o Corinthians aos 18 pontos no Paulistão, liderando com muita folga o Grupo A. Santo André e Botafogo-SP, na segunda colocação, têm seis. O Ituano, estacionado em sete pontos, é o lanterna do Grupo C. (Estadão Conteúdo)

CORINTHIANS 2 x 0 ITUANO

Corinthians - Cássio; João Victor, Jemerson, Raul Gustavo e Lucas Piton; Xavier (Roni), Camacho (Ramiro), Otero (Araos), Luan (Léo Santos) e Léo Natel (Gabriel Pereira); Jô. Técnico: Vagner Mancini

Ituano - Edson; Jeferson, Léo Santos, Suéliton e Breno Lopes; Tarik (André Castro), Fillipe Soutto (Fernando Medeiros) e Gabriel Taliari; Branquinho (Kadu), Iago Dias (Fernandinho) e Bruno Lopes. Técnico: Vinícius Bergantin

Gols - Otero, aos 48 minutos do 1º tempo; Jô, aos 18 minutos do 2º tempo

Cartões amarelos - Luan, Gabriel Taliari e Tárik

Árbitro - Edina Alves Batista

Local - Neo Química Arena, em São Paulo (SP)