Buscar no Cruzeiro

Buscar

Acervo

Sem grandes mudanças no carro, Haas apresenta "russo" VF-21

04 de Março de 2021

O carro foi pintado com as cores da bandeira russa, país de origem da patrocinadora Uralkali. Crédito da foto: Divulgação/Haas.

Nesta quinta-feira (4), a Haas apresentou seu carro para a temporada 2021, com poucas novidades em relação ao modelo do ano passado. O modelo VF-21, pintado com as cores da bandeira russa, país de origem da patrocinadora Uralkali, será pilotado pelos estreantes Mick Schumacher, filho de Michael, e Nikita Mazepin.

A equipe deixou claro que a intenção para este ano é desenvolver o modelo do carro para 2022, ou seja, a temporada 2021 será quase como uma “transição” e que assume os riscos com essa decisão.

Falando dos pilotos, os dois são novatos na Haas. O primeiro será Mick Schumacher, filho do heptacampeão Michael Schumacher, enquanto o segundo será Nikita Mazepin, filho do patrocinador máster. Para isso, a escuderia encerrou a parceria com Romain Grosjean e Kevin Magnussen. Vale lembrar, ainda, que o brasileiro Pietro Fittipaldi será o piloto de testes da escuderia pelo terceiro ano consecutivo.

Band confirma 23 etapas e pódio na TV aberta

Em coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (4), a Band, detentora dos direitos de transmissão da Fórmula 1 em 2021, confirmou que todas as 23 etapas do Mundial, inclusive a nas Américas, serão transmitidas na TV aberta, enquanto os treinos classificatórios serão disponibilizados no Bandsports, canal fechado do grupo.

A primeira etapa, que acontecerá no Bahrein no final de março, porém, terá a transmissão do classificatório na aberta, como forma de boas-vindas para a temporada. No restante do ano, seguem no canal fechado, assim como os treinos livres. Uma mudança em relação à Globo, antiga detentora, é que os pódios voltarão a ser televisionados na TV aberta.