São Bento

Técnico do São Bento diz que a equipe tem condições de melhorar

Doriva valoriza empate, mas quer mais atenção dos jogadores



Dá para melhorar
Doriva quer ver o time mais concentrado em campo. Crédito da foto: Erick Pinheiro / Arquivo JCS (16/5/2019)

O empate com o Sport, por 2 a 2, na volta da Série B, não ajudou muito o São Bento na fuga da parte de baixo da tabela. A equipe sorocabana está com 8 pontos e ocupa a 16ª colocação, apenas um ponto a mais que o Operário-PR, que é o primeiro time dentro da zona do rebaixamento. Apesar disso, o técnico Doriva valoriza o desempenho dos seus comandados.

“Nós temos que valorizar as coisas boas. Houve coisa negativa, é óbvio. Mas a equipe mostrou personalidade, caráter e teve força para se superar. Temos que exaltar esse resultado. É claro que não é o resultado que gostaríamos e até certo ponto entendemos a frustração do torcedor, mas eles têm de entender que enfrentamos um adversário, praticamente, de Série A na B”, analisou o treinador.

Leia mais  A lista de Doriva está pronta no São Bento

 

O empate encerrou um sequência negativa de três derrotas. O clube não vence há quatro partidas, mas a igualdade conquistada com o Sport no último jogo mostrou uma evolução na maneira do Bentão jogar. Doriva entende que o resultado pode dar um ânimo a mais aos seus jogadores.

“Um resultado que dá, sim, moral para seguirmos na competição. Na sequência já temos outra pedreira. É um competição dificílima. Sabemos que vamos ter de melhorar, temos de melhorar sempre, mas eu estou satisfeito e espero que haja mais evolução. Acredito que a equipe vai crescer ainda”, ressaltou.

Um ponto já observado pelo treinador para melhorar a performance é a atenção. Ao longo dos nove jogos disputados na Série B, o São Bento perdeu pontos, em muitas partidas, por conta de falhas individuais ou erros coletivos que poderiam ser minimizados com uma concentração maior.

Leia mais  Ainda em busca de explicações, técnico Doriva precisa rever estratégia

 

“Eu citei para eles que fizemos bons jogos e na maioria deles tivemos erros capitais, que nos custaram o resultado. Isso tem de melhorar. É evidente que temos de diminuir a margem de erro, elevar a margem de concentração e de precisão para que, consequentemente, tenhamos resultados melhores”, observou Doriva.

O grupo de jogadores também já percebeu que a atenção precisa estar mais altas nas partidas. O goleiro Henal confirmou que a conversa no vestiário após a partida contra o Sport foi justamente sobre isso: o resultado poderia ser diferente se o nível de concentração estivesse mais elevado.

“Eu tenho certeza que se tivermos um pouquinho mais de atenção, um pouquinho mais de tranquilidade, a nossa equipe vai brigar lá em cima (na tabela) também. Nosso time tem qualidade, nós jogamos de igual para igual com uma equipe que é uma das favoritas ao acesso”, disse o jogador do Azulão.

O São Bento volta a campo na próxima terça-feira (16) para enfrentar o Coritiba, fora de casa, às 19h15. (Zeca Cardoso)

Comentários

CLASSICRUZEIRO