São Bento

Solidariedade azul: São Bento doa cestas à Pastoral do Menor

Entidade fica na zona oeste de Sorocaba e atende crianças cujas famílias residem no bairro Nova Esperança
Torcedores se engajaram em campanha que antecipou receita de ingressos ao Azulão e beneficiou a Pastoral do Menor do Nova Esperança. Crédito da foto: Fábio Rogério (9/3/2020)

A vitória do São Bento contra o XV de Piracicaba no “Clássico Solidário”, por 8 a 3, irá ajudar as crianças atendidas pela Pastoral do Menor do bairro Nova Esperança, na zona oeste da cidade. O clube fará a doação de 10 cestas básicas na manhã desta terça-feira (26) à entidade.

O jogo virtual realizado entre os dois rivais foi uma forma de mobilizar os torcedores para ajudarem as agremiações e também pessoas em situação de vulnerabilidade social. A cada R$ 150 arrecadados, através da venda on-line de ingressos, um gol era marcado. Parte do montante angariado foi revertido para atender famílias em dificuldades financeiras por conta da pandemia do novo coronavírus com a compra de produtos básicos.

Com a ajuda ao clube, que teve queda na arrecadação por conta da paralisação dos jogos, e ao próximo, o torcedor também foi beneficiado com a ação. É que o valor gasto com o ingresso foi transformado em um voucher que poderá ser utilizado quando da volta das partidas. “O voucher será como um dinheiro do torcedor. Ele poderá usar para comprar ingresso do São Bento, para qualquer setor do estádio. Se ele comprar R$ 10 e o ingresso custar R$ 20, ele dá o voucher e mais R$ 10”, detalha o vice-presidente beneditino, Almir Laurindo.

Leia mais  Capitão solidário: Rodrigo, do Magnus, mobiliza amigos e arrecada 3t de alimentos

 

Em função da perda de receita, o São Bento trabalha com uma readequação salarial de todos os funcionários do clube. A tendência é que a maioria dos atletas aceitem a redução, já que o mercado do futebol como um todo está sendo afetado. Até o momento, quatro jogadores deixaram o elenco. O zagueiro Flávio Boaventura rescindiu o contrato em comum acordo com a diretoria. O também defensor Victor Sallinas não teve o empréstimo renovado junto ao Juventude-RS.

O volante Doriva, que teve o vínculo encerrado no dia 30 de abril, também não renovou. Já o atacante Sávio, emprestado até o final do ano pelo Grêmio, decidiu retornar ao sul do país. O jogador se lesionou na primeira partida da temporada e não marcou nenhum gol.

Retorno aos gramados

A Federação Paulista de Futebol (FPF) já se posicionou que pretende finalizar a Série A2 dentro de campo, mas uma data ainda não é discutida. A liberação às atividades dos clubes só será possível quando as autoridades de saúde do Estado autorizarem.

Todos os jogadores do São Bento seguem uma cartilha de treinamentos que foi elaborada pelo preparador físico Cléber Vaz. O clube estudou a possibilidade de realizar treinos on-line, mas por conta da dificuldade de alguns atletas, a ideia foi descartada.

Leia mais  Ação arrecada cestas básicas para famílias carentes da região do Habiteto

 

Enquanto a bola estava rolando, o Bentão havia iniciado uma arrancada no Paulista Série A2, deixando a zona do rebaixamento e subindo para a nona colocação, com quatro vitórias seguidas. O clube está fora da zona de classificação apenas pelos critérios de desempate.

Com 18 pontos, o time sorocabano tem a mesma pontuação da Portuguesa, a oitava colocada. Porém a Lusa tem saldo de gols melhor: dois gols positivos contra saldo zero dos beneditinos. Restam três rodadas para o encerramento da primeira fase. (Zeca Cardoso)

Comentários