São Bento

São Bento toma gol no penúltimo minuto e perde do Brasil em Pelotas

Resultado deixa o Azulão estacionado na zona do rebaixamento da Série B, no 19º e penúltimo lugar
Brasil-RS x São Bento
São Bento perdeu do Brasil-RS por 2 a 1. Crédito da Foto: Carlos Insaurriaga/GEB

O São Bento foi derrotado pelo Brasil de Pelotas, por 2 a 1, com requintes de crueldade. Com um jogador a menos desde os 28 minutos do primeiro tempo, o Azulão conseguiu buscar um empate já com a inferioridade numérica. Mas no último minuto da partida, levou o gol que sacramentou a derrota do clube sorocabano.

Com o resultado, o time sorocabano permanece na vice-lanterna da Série B, com 16 pontos. Os gaúchos chegaram aos 21 pontos e se afastaram da zona do rebaixamento.

Leia mais  São Bento tem jogo vital para sobrevivência no Brasileiro da Série B

 

No início, o jogo foi bastante truncado. Com muitas faltas, as jogadas ofensivas aconteciam apenas com as bolas aéreas. Em três oportunidades o São Bento se livrou pela fraca pontaria do Brasil de Pelotas, que cruzava para dentro da área, mas pecava na hora da finalização.

Sem qualidade com a bola rolando, o gol saiu na bola parada. Aos 28 minutos, o zagueiro Joílson foi expulso por colocar a mão na bola para evitar o gol de Murilo Rangel. O árbitro Ramon Abatti Abel marcou pênalti para o Brasil. Na cobrança, Rafael Grampola bateu mascado, mas mesmo assim deslocou Gabriel Félix e abriu o placar.

A chance do Bentão empatar veio ainda nos acréscimos do primeiro tempo. Após boa jogada de Paulinho Boia, o atacante fez a bola chegar até Mansur, que cruzou para Fábio Bahia; o volante conseguiu girar e finalizar com perigo ao lado esquerdo do gol dos donos da casa.

Mesmo com um jogador a menos, o São Bento não abdicou do ataque na segunda etapa e pressionou o adversário. No cruzamento de Mansur, Zé Roberto ajeitou com muita categoria para Rodolfo e o camisa 10 bateu bonito, de pé esquerdo, sem chances para Carlos Eduardo, e empatou a partida.

A única jogada do Brasil de Pelotas era na bola parada e foi assim que os gaúchos quase voltaram à frente no marcador. Na cobrança do escanteio, o zagueiro Leandro Camilo subiu mais que a zaga beneditina e cabeceou com muito perigo, triscando o travessão de Gabriel Félix.

O São Bento pressionou, teve chances até de vencer, mas nos minutos finais abriu mão do jogo e sofreu o golpe final aos 51 minutos. Depois de muita pressão dos gaúchos, a bola sobrou na entrada da área para Rodrigo Alves bater de pé direito e dar a vitória para o Brasil de Pelotas.

A próxima partida do Bentão é no sábado, às 16h30, contra o Londrina, fora de casa. O Brasil enfrenta o Atlético-GO, na sexta-feira, às 19h15, em Goiânia.

BRASIL-RS 2 X 1 SÃO BENTO

Brasil-RS – Carlos Eduardo; Ricardo Luz, Leandro Camilo, Bruno Aguiar e Ednei; Leandro Leite, Carlos Jatobá (Rodrigo Alves), Cristian (Branquinho) e Diogo Oliveira; Murilo Rangel (Daniel Cruz) e Rafael Grampola. Técnico: Bolívar

São Bento – Gabriel Félix; Pablo, Wesley, Joílson e Mansur; Fábio Bahia, Vinícius Kiss e Rodolfo; Paulinho Boia (Guilherme Romão), Minho (Élton) e Zé Roberto (Dudu Vieira). Técnico: Doriva

Gols – Rafael Grampola, aos 30 minutos do 1º tempo, e Rodrigo Alves, aos 51 minutos do 2º tempo (Brasil-RS); Rodolfo, aos 9 minutos do 2º tempo (São Bento)

Árbitro – Ramon Abatti Abel (SC)

Cartões amarelos – Rodolfo e Élton (São Bento); Ricardo Luz (Brasil-RS)

Cartão vermelho – Joílson (São Bento)

Público e Renda – Não divulgado

Local – Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS)

Confira como foi o jogo em tempo real:

Comentários