São Bento

São Bento tem atacante como um diferencial técnico no elenco

Ruan supera problemas pessoais e desponta como um dos destaques do ataque beneditino
Talento recuperado
Atacante marcou um dos três gols do São Bento contra o Votuporanguense. Crédito da foto: Fábio Rogério / Arquivo JCS (10/3/2020)

O atacante Ruan é apontado como um dos jogadores com maior diferencial técnico no grupo do São Bento. Um atleta que pode decidir jogos. Na vitória, por 3 a 2, contra a Votuporanguense, foi o autor do gol da virada sorocabana. Mas o início de sua trajetória no Azulão não foi dos melhores. O jogador enfrentou problemas particulares e foi afastado do time dirigido pelo então técnico Léo Condé.

“Saí do time, fiquei fora por um tempo, mas passou. Quero viver um novo momento, como esse, e aproveitar tudo da melhor maneira possível. No futebol, as coisas passam muito rápido, então você tem que estar pronto para o lado negativo e positivo. É ter inteligência para saber aproveitar tudo da melhor maneira”, explicou o atacante.

Aos 26 anos, Ruan revelou que a sua preparação vai além das quatro linhas para conseguir desempenhar um bom futebol. “Eu venho fazendo acompanhamento com terapia, que vem mudando a minha vida. Então, isso me deixa mais leve, com a certeza que o trabalho que faço no dia a dia, a qualquer momento, ele vai deslanchar.”

Leia mais  Após mudança de técnico, São Bento sobe seis posições em três jogos

 

O camisa 11 beneditino não foi o único que teve um início difícil. O São Bento não vivia os seus melhores dias nas primeiras rodadas da Série A2 do Campeonato Paulista. O clube, inclusive, frequentou a zona do rebaixamento. Com as três vitórias consecutivas e a chegada do novo treinador, Edson Vieira, a confiança apareceu. E para Ruan, é algo primordial no futebol.

“Nós somos capazes de superar e enfrentar qualquer tipo de coisa. O grupo assimilou isso, jogou a vontade realmente para fora e os resultados vêm ajudando. Futebol é, para mim, mais de 50% de confiança. Então, a confiança que o grupo tem é o essencial do que a gente vem passando e vivendo”, analisou.

Revelado pelo Sport, do Recife, Ruan já atuou por Fortaleza, Internacional, Goiás e Ituano, entre outros clubes em sua carreira. E a oportunidade de vestir a camisa do Bentão é vista com bons olhos. O Estado de São Paulo é muito observado pelos empresários do futebol, a passagem por Sorocaba pode ser uma ponte para voos maiores.

“Eu falei: professor (Edson Vieira), eu vou voltar para time grande. Não falei da boca para fora, isso é um foco meu, um objetivo meu. O São Bento é um clube grande, que tem história, mas quando eu falo um clube grande é almejar um cenário maior. Então, temos que ser pontuais porque as pessoas podem pensar que estou menosprezando. Isso jamais, a instituição é maior que qualquer atleta”, falou.

Leia mais  São Bento vence e se afasta mais da zona de rebaixamento

 

Para consolidar o bom momento, o São Bento enfrenta no domingo, às 10h, a Penapolense, fora de casa. O meia Wellington Bruno segue no departamento médico, com isso, o time titular deve ser o mesmo que venceu o Votuporanguense: Lucas Macanhan; Marcos Martins, Flávio Boaventura, Douglas Assis e Allan Vieira; Fábio Bahia, Serginho e Thiago Primão; Diego Tavares, Ruan e Bambam. (Zeca Cardoso)

Comentários