São Bento

São Bento segue vivo

Boa vence o São José e joga Azulão para a lanterna, mas embola grupo
São Bento segue vivo
O técnico Edson Vieira não joga a toalha e acredita que o Bentão se salvará do rebaixamento à Série D. Crédito da foto: Fábio Rogério (22/9/2020)

No último sábado (14), o São Bento fez um grande primeiro tempo contra o Tombense (MG), em Sorocaba, pelo Campeonato Brasileiro da Série B. Apesar de sofrer um gol aos seis minutos de jogo, conseguiu a virada com gols de Léo Aquino e Bambam, de pênalti, e teve a chance de ampliar ainda mais.

Porém, na segunda etapa, o desempenho ficou bem abaixo do demostrado nos 45 minutos iniciais. O rendimento físico de alguns jogadores nitidamente caiu, e o Tombense arrancou um empate por 2 a 2. E o técnico Edson Vieira já imaginava que isso poderia acontecer, como explicou em entrevista coletiva.

“A gente já sabia que o Jobinho ia cair de produção, porque estava parado há um bom tempo. Sabíamos que o Léo, mesmo sendo o quarto jogo, ele ficou inativo por sete meses, também cairia. Isso não é culpa da parte física, é falta de ritmo de jogo”, apontou.

Leia mais  São Bento vence o Boa Esporte e segue na briga pela permanência no Brasileiro

Além do quesito físico, o comandante beneditino chamou a atenção para o gol de empate marcado pelos mineiros. Para Edson, faltou mais intensidade na marcação que deixou o atacante Keké finalizar e deixar tudo igual no Estádio Walter Ribeiro (CIC).

“Tem horas que a gente se sente envergonhado de não estar em uma situação melhor. Mas hoje (sábado, 14) não se pode tomar (o segundo) gol. Tem que dar uma voadora na bola, tomou (cartão) vermelho não tem problema. Não pode tomar o gol”, confessou.

Com o empate e a vitória do Boa Esporte (MG), ontem, sobre o São José (RS) por 1 a 0, o Bentão caiu para a lanterna do Grupo B na Série C do Campeonato Brasileiro. Com 13 pontos, os sorocabanos somam duas vitórias, sete empates e seis derrotas.

Mas a vitória dos mineiros foi o melhor cenário possível. O Boa subiu para nono lugar na tabela, com 14 pontos, mas segurou os gaúchos na oitava colocação, com 16. Ou seja, o São Bento está três pontos atrás do Zequinha, que é o primeiro time fora da zona do rebaixamento.

Leia mais  Primeiro gol de Coutinho foi pelo Azulão

Faltam três rodadas para o fim da terceira divisão nacional. O time de Sorocaba joga contra o Volta Redonda (RJ), sexto colocado com 18 pontos, o Boa Esporte (MG) e o Ituano, que está na quarta posição, com 23 pontos. Desses jogos, os duelos com os cariocas e os mineiros acontecem na casa do adversário, e o único jogo no CIC será o clássico regional na última rodada.

O São José enfrenta o Londrina (segundo colocado, com 24 pontos), Criciúma (sétimo, com 17 pontos) e Ypiranga (terceiro, com 24 pontos). Apesar da dificuldade em se livrar do descenso à Série D, Edson Vieira ainda acredita na permanência na divisão.

“Eu não posso de maneira nenhuma, nem em pensamento, desacreditar na Série C e jogar a toalha. Eu estou acreditando até o fim. Enquanto não decretar que nós não conseguimos nos salvar, eu vou lutar até o fim. Não joguei a toalha e vou até o fim”, finalizou. (Zeca Cardoso)

Comentários