São Bento

São Bento faz mais um capítulo na fuga do rebaixamento

Precisando pontuar para fugir do rebaixamento, São Bento enfrenta o Operário em Ponta Grossa
Mais um capítulo na fuga do Z4
O técnico Milton Mendes diz que o time está jogando melhor e pode “conquistar coisas bonitas no futuro”. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (16/9/2019)

 

A luta contra o rebaixamento é o único objetivo do São Bento na Série B e neste sábado (19) o clube tem um capítulo importante nessa história. A equipe sorocabana entra em campo às 19h para enfrentar o Operário, em Ponta Grossa (PR), pela 30ª rodada da competição. O Bentão é o último colocado, com 27 pontos. Os paranaenses estão na nona posição, com 40 pontos.

Para a partida, o técnico Milton Mendes — que não estará à beira do campo por cumprir suspensão automática após a expulsão na última partida contra o Coritiba — não poderá contar com quatro importantes jogadores. Gérson, Guilherme Romão e Paulinho estão machucados e sequer viajaram para o Paraná; Fábio Bahia levou o terceiro cartão amarelo e também fica de fora.

Na derrota para o Coxa, por 2 a 1, em casa na terça-feira, o atacante Paulinho Boia saiu na segunda etapa por conta de um problema no tornozelo. O jogador viajou com o restante da delegação, mas pode ser poupado. Se ficar no banco de reservas, as opções são os atacantes Caio Rangel e Arancíbia. Outra alternativa é reforçar o meio de campo com Dudu Vieira.

A vida do São Bento na competição não tem sido fácil. Nos últimos 10 jogos, foram apenas duas vitórias, ambas no CIC. O clube acumulou seis derrotas e dois empates. Apesar dos resultados, a equipe demonstrou alguma evolução. Mesmo com algumas falhas de atenção que custaram pontos, o desempenho da equipe tem melhorado.

“Nós temos feitos jogos bons. A equipe está crescendo em um todo, mas nós estamos com uma baixa concentração em alguns momentos. E isso está saindo caro. No jogo contra o Coritiba nós demos 20 chutes a gol, eles, 10. Podemos conquistar coisas bonitas no futuro se continuarmos jogando assim, mas temos de evitar alguns equívocos”, explicou o treinador.

Com nove jogos restantes para o fim da Série B, o São Bento precisa desesperadamente somar pontos. O número mágico para se livrar da degola é 46 pontos, ou seja: conquistar 19. Seriam seis vitórias e um empate ou cinco vitórias e quatro empates. O adversário, em seus domínios, em 14 jogos acumula nove vitórias, dois empates e apenas três derrotas.

O Operário poderá ter mudanças na equipe titular que empatou contra o CRB-AL, por 0 a 0. O técnico Gerson Gusmão, que comanda a equipe desde 2016, contará com a volta do atacante Lucas Batatinha, poupado na última partida. O lateral-direito Maílton também pode voltar ao time. O volante Jardel ficará de fora, pois levou o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão automática.

A Cruzeiro FM 92.3 transmite o jogo ao vivo, a partir das 18h, com narração de Nilson Duarte, reportagens de Caio Rossini, comentários de Gustavo Gebaile, apresentação de Caio César e plantão de Juarez Morato. (Zeca Cardoso)

OPERÁRIO X SÃO BENTO

Operário – Rodrigo Viana; Lennon (Maílton), Edson Borges, Alisson e Julinho; Chicão, Índio e Marcelo; Felipe Augusto, Lucas Batatinha e Uilliam. Técnico: Gerson Gusmão

São Bento – Renan Rocha; Marcos Martins, Guilherme Mattis, Joílson e Mansur; Juliano, Vinícius Kiss e Rodolfo; Paulinho Boia (Dudu Vieira), Minho e Zé Roberto. Técnico: Milton Mendes

Árbitro – Alisson Sidnei Furtado (TO)

Local – Germano Kruger, em Ponta Grossa (PR)

Hora – 19h

Comentários