São Bento

São Bento apresenta Milton Mendes, novo técnico para a Série B

Novo comandante do Azulão quer resgatar auto-estima dos jogadores, mas vai cobrar fuga do rebaixamento
Campeonato Brasileiro da Série B
Milton Mendes concede entrevista coletiva como técnico do São Bento. Crédito da foto: Fábio Rogério (2/9/2019)

“Gostaria de pedir desculpas pelo atraso. Eu costumo ser pontual, mas estava no treinamento com os jogadores”, foram essas as primeiras palavras do novo técnico do São Bento, Milton Mendes, em sua apresentação oficial, nesta segunda-feira (2), na sala de imprensa do CIC, para justificar o atraso de cerca de 40 minutos.

Leia mais  São Bento anuncia Milton Mendes como técnico para a sequência da Série B

 

As palavras preliminares deram a tônica do discurso do comandante. Milton Mendes falou em três pilares que sustentam a sua postura profissional: trabalho, disciplina e organização. O resgate da auto-estima dos jogadores também fará parte da sua atuação, mas a cobrança não ficará de fora.

“A cobrança é fundamental. O presidente (do clube) é cobrado para fazer os pagamentos, que estão rigorosamente em dia. Então, porque os jogadores estão em uma zona de conforto? Então, tem que pedalar, tem que andar. Por isso, muitas vezes as pessoas acham que o Milton é duro. O Milton não é duro, o Milton é justo. E sabe posicionar cada um em seu lugar”, analisou.

O São Bento, atualmente, é o 19º colocado na Série B, com 19 pontos conquistados. Tem a pior defesa da competição, que sofreu 30 gols em 20 partidas. No primeiro turno, passou 12 das 19 rodadas dentro da zona do rebaixamento. Uma fase ruim, que não será transformada apenas com disciplina, mas também na orientação.

“Vamos trabalhar o que o jogador necessita. Está finalizando mal? Vamos melhorar. Está cruzando mal? Vamos ficar umas horinhas a mais. Nesse momento, eu acho que precisamos muito mais dar um direcionamento (aos atletas) com firmeza, do que propriamente ‘bater’”, confessou.

São Bento x Figueirense

Com a explicação da sua postura e de como será o tratamento aos jogadores, Milton Mendes falou também do que o torcedor pode esperar dentro de campo já na próxima partida, sexta-feira, às 18h45, no CIC, contra o Figueirense.

“Nosso jogador não é obrigado a jogar bem, mas eles vão ter que entregar-se muito e lutar muito dentro de campo, isso é básico”, atestou. Mas a entrevista não ficou apenas no emocional, também foi para dentro de campo. Taticamente, o São Bento jogava em um 4-3-3, algumas vezes com três volantes, e que variava para um 4-4-2 na parte defensiva. O novo técnico, conhecido por sua característica ofensiva, revelou como desenhará a sua equipe.

“A forma que eu gosto de jogar é que a equipe se aproxime da área adversária e tenha um comportamento defensivo. Acredito que no 4-2-3-1, com a variante do 4-1-4-1, seja a que mais se aproxima. Então, acredito que tenhamos que ter um meia de criação com os homens de lado tendo uma variação ofensiva e defensiva. É por aí que vamos alinhar nosso time”, confirmou. (Zeca Cardoso)

Comentários

CLASSICRUZEIRO