São Bento

Outro baque na defesa do Bentão

De comum acordo, Flávio Boaventura deixa Sorocaba seis meses antes; Victor Sallinas saiu na semana passada
Outro baque na defesa do Bentão
Após início difícil e atritos com torcedores, zagueiro se torna peça importante. Crédito da foto: Divulgação / Neto Bonvino

O zagueiro Flávio Boaventura não faz mais parte do elenco do São Bento. Em comum acordo, atleta e diretoria beneditina rescindiram o contrato que era válido até o dia 30 de novembro.

Aos 32 anos, o jogador foi anunciado como reforço do clube em dezembro de 2019. Entrou em campo em 11 dos 12 jogos disputados na Série A2 do Campeonato Paulista, ficando de fora de apenas uma partida para cumprir suspensão automática por três cartões amarelos.

Sem marcar gols, Flávio foi um dos pilares da defesa do Bentão. Porém, o início da trajetória não foi fácil. Após o empate contra o Red Bull, por 1 a 1, na quinta rodada, o defensor xingou torcedores que criticaram a atuação da equipe no Estádio Walter Ribeiro (CIC).

Leia mais  Edson Vieira e o futuro do São Bento

“Torcedor otário”, foram algumas das palavras ditas pelo jogador ao microfone da rádio Cruzeiro FM 92,3. À época, Boaventura fez uma postagem em uma rede social para se desculpar com os torcedores beneditinos e justificando que ele e sua família foram ofendidos.

“Fui ofendido, inclusive minha família, por algumas pessoas, mas sei que a maioria não compactua com esse tipo de atitude. Estamos trabalhando diariamente para defender essa camisa e levar alegria à nação beneditina”, publicou o zagueiro.

Após a polêmica, Flávio seguiu como titular. Com a saída de Léo Condé e a contratação de Edson Vieira para assumir o comando técnico do clube, o jogador se manteve no onze inicial e foi apontado pelo novo treinador como uma das lideranças do vestiário.

Boaventura é o segundo zagueiro a deixar o elenco beneditino. No início do mês de maio, Victor Sallinas, que estava emprestado pelo Juventude-RS, não teve o contrato renovado. Agora, Vieira conta com Douglas Assis, Adalberto e Bruno Leonardo para a posição.

Leia mais  Treinador do São Bento participa de live no Instagram do Cruzeiro

Ações na pandemia

Em meio à paralisação do futebol, o São Bento segue com as ações para engajar o seu torcedor, expandir a exposição da marca e também melhorar a arrecadação, que vem sofrendo grande queda.

O “Clássico Solidário” contra o XV de Piracicaba segue com as vendas de ingressos até o dia 15. Na última prévia divulgada, o Bentão mantinha-se na frente, vencendo os piracicabanos por 8 a 3. Cada gol é marcado quando um clube atinge R$ 150 em bilhetes vendidos.

Desse montante, uma parte será revertida para a compra de cestas básicas, que serão doadas para famílias em situação de vulnerabilidade social. Para comprar os bilhetes, que custam R$ 10, o torcedor deve acessar o site www.ingressodevantagens.com.br.

Não um limite de ingressos por torcedor. Além de ajudar o clube e pessoas, o torcedor será recompensado com um desconto, também de R$ 10, para comprar bilhetes quando os jogos forem liberados ao público no País.

Leia mais  Depois de 11 vezes em campo, Diego Tavares dá adeus ao São Bento

A diretoria do Bentão também está vendendo máscaras de proteção. O produto custa R$ 10 e as vendas acontecem no horário comercial, no Complexo Humberto Reale, localizado na rua Coronel Nogueira Padilha, 657. Vale lembrar que o uso de máscara em espaços públicos é obrigatório. (Zeca Cardoso)

Comentários