São Bento

Divergências racham Conselho Deliberativo do São Bento

O mandato da atual diretoria do Conselho vai até o final de 2020
Divergências racham Conselho do Bentão
Clube sorocabano tem eleição prevista para outubro. Crédito da foto: Reprodução / Facebook

O vice-presidente do Conselho Deliberativo do São Bento, Felipe Carvajal Marcondes de Oliveira, apresentou uma carta de renúncia ao presidente do órgão, Francisco Garcia Loureiro, na tarde desta terça-feira (23), abrindo mão do cargo que ocupa desde 2017.

No documento, Carvajal aponta que o motivo para a decisão foi “por desacordo das decisões e atitudes tomadas pelo presidente Francisco Garcia Loureiro, que, dentre outras coisas, tem atuado em nome do Conselho Deliberativo em ações sem aprovação do órgão.”

O mandato da atual diretoria do Conselho vai até o final de 2020. Apesar da renúncia ao cargo, o ex-vice-presidente permanece como membro do Conselho Deliberativo, apenas deixando a função dentro da administração.

Por estatuto, são previstas duas reuniões dos membros do conselho por ano. Na prática, os encontros ocorrem mensalmente. Porém, por conta da pandemia do novo coronavírus, apenas uma conferência virtual foi realizada nos últimos três meses.

Questionado, Carvajal disse que o órgão não perdeu a condição de fiscalizador. Ele acredita que a função “é exercida (com contas de anos interiores verificadas, apontadas e aprovadas) e com um excelente Conselho Fiscal.”

Leia mais  Sorocaba ultrapassa a marca de 6 mil casos confirmados de Covid-19

No entanto, pontua, que poderia ser mais atuante. “Acredito que o Conselho, sim, poderia ter tido uma postura muito mais ativa em prol do São Bento nesses últimos anos. Poderia ter feito mais”, finalizou.

Além de toda a turbulência por conta da queda drástica na arrecadação após os rebaixamentos da última temporada, agravados pela pandemia, o São Bento vive um ano de eleição. A princípio, o pleito está agendado para outubro, mas, nos bastidores, já se fala em adiamento. (Zeca Cardoso)

Comentários