Esporte

Santos pode ter baixas na decisão

Sem os dois meio-campistas, o Santos voltará a jogar na quinta-feira, quando enfrentará o Fortaleza, no Castelão
Peixe derrotou o Botafogo, domingo, pelo Brasileirão. Crédito da foto: Ivan Storti /  Santos FC (17/1/2021)

O técnico Cuca pode ter dois desfalques na decisão da Copa Libertadores, contra o Palmeiras, no Maracanã, dia 30: o volante Alison, diagnosticado com coronavírus, e o meia Jobson, que sofreu uma lesão no ligamento cruzado anterior e no menisco lateral do joelho direito.

Alison já iniciou o período de isolamento de dez dias, após testar positivo para Covid-19 na sexta-feira e novamente na contraprova feita no domingo. Ele terá poucas chances de disputar a final da Libertadores pois terá apenas dois dias de antes do jogo decisivo. O caso de Jobson é mais sério. Ele se contundiu no treino de ontem (18), no CT Rei Pelé, e a lesão por exames. Esse tipo de problema demanda ao menos seis meses de recuperação.

Sem os dois meio-campistas, o Santos voltará a jogar na quinta-feira, quando enfrentará o Fortaleza, no Castelão, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para este duelo, também não deve ter o zagueiro Luan Peres, em recuperação de entorse no tornozelo esquerdo.
Em compensação, Cuca deverá ter alguns reforços: John e Wagner Leonardo, recuperados do coronavírus, João Paulo, que volta de suspensão, e Lucas Veríssimo, que estava com uma virose.

Leia mais  Holandês ganha na Arábia e brasileiros estreiam mal

A equipe vem de vitória sobre o Botafogo, domingo (17), por 2 a 1, na Vila Belmiro. O resultado foi definido apenas aos 36 minutos do segundo tempo, com gol de Bruno Marques. (Estadão Conteúdo)

SANTOS 2 x 1 BOTAFOGO

Santos – Vladimir; Pará, Laércio, Alex Nascimento e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Sandry (Jean Mota) e Soteldo (Madson); Lucas Braga (Jobson), Marinho (Arthur Gomes) e Kaio Jorge (Bruno Marques). Técnico: Cuca
Botafogo – Diego Loureiro; Kevin (Cascardo), Marcelo Benevenuto, Kanu e Victor Luís; Zé Wellison (Cícero), Caio Alexandre e Bruno Nazário (Lecaros); Kelvin (Davi Araújo), Matheus Babi e Pedro Raul (Matheus Nascimento). Técnico: Eduardo Barroca
Gols – Soteldo, aos três minutos do 1º tempo, e Bruno Marques, aos 36’ do 2º tempo (Santos); Pedro Raul (pênalti), aos 46’ do 1º tempo (Botafogo)
Cartões amarelos – Laercio e Soteldo (Santos); Kevin (Botafogo)
Árbitro – Leandro Pedro Vuaden (RS)
Local – Vila Belmiro, em Santos

Comentários