Buscar no Cruzeiro

Buscar

Paulistão

Santos só empata e vê vaga distante

02 de Maio de 2021 às 00:01
Estadão Conteúdo
Santos empatou por 1 a 1 com o Red Bull.
Santos empatou por 1 a 1 com o Red Bull. (Crédito: Ivan Storti / Santos FC)

O Santos empatou ontem (1º) por 1 a 1 com o Red Bull Bragantino, em Bragança Paulista, e ficou em situação complicada para passar às quartas de final do Paulistão. Em terceiro lugar no Grupo D, o Peixe tem 10 pontos. Está atrás de Mirassol, com 17, e Guarani, com 11, que joga hoje com o Novorizontino e pode abrir distância.

Dono de uma das melhores campanhas e agora classificado matematicamente às quartas de final, o Red Bull abriu o placar aos 25 minutos. Pará saiu jogando errado do campo de defesa e a bola sobrou para Pedrinho. Ele encontrou Claudinho, que bateu forte de primeira e contou com desvio em Luan Peres para “matar” o goleiro João Paulo.

Mesmo sem mexer na equipe, o técnico interino do Santos, Marcelo Fernandes, deu um chacoalhão no time, que voltou pilhado para o segundo tempo. Logo no primeiro minuto, Marinho fez lançamento para Lucas Braga, que concluiu a jogada em uma finalização perfeita, no alto do gol, sem chances para Cleiton. Até então, o Santos não fazia um gol havia quatro jogos.

O Peixe chegou a marcar o gol da virada, com Jean Mota, mas o VAR viu impedimento de Marinho no lance e anulou o tento. Sem técnico desde a saída de Ariel Holan, na semana passada, o time está há cinco jogos sem vencer, contando também as partidas da Copa Libertadores. (Estadão Conteúdo)

RB BRAGANTINO 1 x 1 SANTOS

Red Bull Bragantino - Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Fabrício Bruno e Edimar; Ryller (Ramires), Lucas Evangelista e Claudinho; Artur, Pedrinho (Cuello) e Ytalo (Luis Phelipe). Técnico: Maurício Barbieri

Santos - João Paulo; Pará, Kaiky, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Jean Mota (Vinicius Balieiro) e Gabriel Pirani (Lucas Lourenço); Marinho; Marcos Leonardo (Allanzinho) e Lucas Braga. Técnico: Marcelo Fernandes (interino)

Gols - Claudinho, aos 25 minutos do 1º tempo; Lucas Braga, a 1’ minuto do 2º tempo

Cartões amarelos - Aderlan, Ryller e Cuello (Bragantino); Pará e Lucas Braga (Santos)

Árbitro - Douglas Marques das Flores

Local - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)