Esporte

Neymar volta, marca e PSG é campeão

Como o brasileiro estava sem ritmo de jogo, o técnico Mauricio Pochettino optou por apostar em um trio ofensivo
Brasileiro fez primeiro jogo sob comando de Mauricio Pochettino. Crédito da foto: Divulgação / PSG (13/1/2021)

Na volta de Neymar aos gramados após um mês afastado, o Paris Saint-Germain conquistou mais um título. Ontem (13), em Lens, o PSG derrotou o Olympique de Marselha por 2 a 1 para faturar a Supercopa da França. O brasileiro, que deixou o banco de reservas durante o segundo tempo, marcou o segundo gol do seu time, em cobrança de pênalti.

Neymar não atuava desde 13 de dezembro, quando sofreu lesão no tornozelo esquerdo, em partida contra o Lyon, após entrada dura de Thiago Mendes.

Como o brasileiro estava sem ritmo de jogo, o técnico Mauricio Pochettino optou por apostar em um trio ofensivo composto por Di María, Mbappé e Icardi — que teve gol anulado antes de abrir o placar aos 39 minutos. Neymar entrou aos 20 minutos do segundo tempo e,
aos 39’, marcou o segundo gol do PSG, depois da arbitragem marcar pênalti em Icardi com o auxílio do VAR.

Leia mais  Brasileirão tem mais duas partidas hoje

O Olympique ainda diminuiu aos 44, com Payet. (Estadão Conteúdo)

 

Comentários