Esporte Magnus Futsal

Magnus Futsal quer sorocabanos no time principal

Atualmente, nenhum jogador nascido na cidade está no time principal do Magnus
Caio, Lucas Gomes, Alisson, Ricardinho, Israel e Pedrinho passam da base para o profissional. Crédito da foto: Emídio Marques (21/1/2020)

 

O Magnus Futsal sempre enfatiza em sua divulgação que se trata de uma equipe de Sorocaba, que defende as cores da cidade. E isso, em um futuro próximo, deverá ficar cada vez mais claro. Com o investimento nas categorias de base crescendo, em breve, atletas sorocabanos poderão fazer parte da equipe profissional.

“Esse vínculo com o município, essa aproximação desses garotos, é a aproximação que a gente deseja. Na nossa categoria Sub-20 esse ano, temos sete sorocabanos promovidos do Sub-18. Então, é uma consequência natural, daqui a três anos começarmos a ver jogadores no adulto de Sorocaba. É o engajamento que queremos deixar para a cidade”, explicou o presidente Fellipe Drommond.

Atualmente, nenhum jogador nascido na cidade está no time principal do Magnus. Mas, com a confirmação de seis atletas da base no profissional, a identificação já é maior. Esses garotos terminaram os estudos, construíram amizades e relacionamentos. Iniciaram a trajetória profissional em Sorocaba. Um vínculo importante e uma política do clube sorocabano.

Leia mais  Brasileiro fica com o ouro no Triveneto

“Sem dúvida nenhuma. Apesar desses garotos não serem nascidos em Sorocaba, alguns deles chegaram aqui com 16 anos. Eles estão construindo a vida profissional e individual na cidade. Eu espero que eles cresçam muito. Hoje chegam para ganhar meio salário mínimo, daqui a pouco vão ter um salário maior, e vão entender a ascensão social atrelada a Sorocaba”, falou Drommond.

Na comissão técnica, já existem membros que são da cidade. O técnico do Sub-20 para a próxima temporada será Cafu, sorocabano com forte relação no futsal local. E a identificação não é importante apenas para o time conquistar torcedores e mercado, mas também para os funcionários se sentirem confortáveis em Sorocaba, como é o caso do técnico Ricardinho.

“Estamos aqui desde o início do projeto. Sabemos a identidade e como a cidade nos acolheu. A nossa comissão técnica tem sete membros da cidade de Sorocaba. É muito difícil de acontecer em outros times. Eu quero fixar residência aqui, minha família é muito feliz aqui. Então, tenho certeza que esse engajamento com a cidade é de suma importância para o sucesso do Magnus”, revelou Ricardinho.

Cada vez mais sorocabano, o Magnus Futsal dará o pontapé inicial na temporada com um amistoso internacional. Nos dias 6 e 8 de março, a equipe enfrentará o River Plate, da Argentina, na Arena Sorocaba. Ao longo do ano disputará o Campeonato Paulista, a Liga Nacional e o Mundial de Clubes. Além de representar a cidade nos jogos Regionais e Abertos. (Zeca Cardoso)

Comentários