Esporte

Garotos marcam e Santos vence Deportivo Lara

Kaiky e Vinicius Balieiro, crias da base, fizeram primeiros gols como profissionais
Garotos marcam e Santos vence Deportivo Lara
Kaiky (foto) e Vinicius Balieiro, crias da base, fizeram primeiros gols entre profissionais. Crédito da foto: Ivan Storti / Santos FC (9/3/2021)

O Santos contou com o primeiro gol entre os profissionais de dois jovens formados na sua base para abrir vantagem na segunda fase preliminar da Copa Libertadores. Ontem (9), na Vila Belmiro, Vinicius Balieiro e Kaiky marcaram na vitória sobre o Deportivo Lara por 2 a 1 — todos no segundo tempo. Ângelo, também garoto, foi grande destaque do primeiro tempo.

A primeira vitória em cinco compromissos, sendo dois com Ariel Holan, deixou o time com a vantagem de só precisar de um empate na terça-feira, em Caracas, para avançar à terceira fase preliminar da Libertadores. Antes, no sábado, enfrentará o Ituano, também na Vila Belmiro, pelo Campeonato Paulista.

Após a derrota por 4 a 0 para o São Paulo em sua estreia, Holan fez mudanças na escalação e dobrou a aposta em atletas recém-promovidos da base. Peças importantes ficaram de fora do confronto, como Pará, Marinho e Kaio Jorge. Assim, Marcos Leonardo e Ângelo receberam uma chance no ataque e Kaiky foi escalado na zaga. João Paulo recuperou a sua vaga no gol, com Vinicius Balieiro sendo improvisado na lateral direita.

Leia mais  Nova casa! SBT anuncia Liga dos Campeões na TV aberta

Dessas apostas, uma se mostrou certeira logo nos minutos iniciais. Ângelo, de apenas 16 anos, foi o jogador mais perigoso do ataque santista no primeiro tempo. Na ponta direita, apostou em sua velocidade e dribles, buscou tabelas e fez lances individuais. Já o Deportivo Lara articulou alguns bons contra-ataques, principalmente pela esquerda, dando trabalho a João Paulo em uma cobrança de falta.

Pela necessidade de vencer em casa, o Santos buscou ocupar o ataque logo no começo da etapa final. E em uma jogada com a participação dos seus dois volantes abriu o placar: Sandry cortou a marcação e passou para Alison cruzar. O corte parcial da defesa deixou a bola nos pés de Balieiro, outro volante, mas improvisado na lateral, finalizar e fazer 1 a 0, aos 4 minutos. Só que o Deportivo Lara empatou na sequência. Após cobrança de escanteio, Anzorla se antecipou a Lucas Braga e mandou para as redes aos 6’.

Leia mais  Hubert Hurkacz vence o jovem Sinner e conquista Masters 1000 de Miami

O Peixe flertou com o desastre ao ver outro gol de Anzorla ser anulado por impedimento, mas conseguiu passar novamente à frente do placar. E com outra promessa da base, o zagueiro Kaiky, que subiu alto para testar às redes após cobrança de escanteio de Jean Mota, aos 25.

No fim, o Santos buscou o terceiro gol, mas Lucas Braga, Jean Mota e Gabriel Pirani não aproveitaram suas chances. Também não pode reclamar da sorte, pois João Paulo deu um susto ao dar um carrinho errado na lateral para afastar a bola. E ainda mostrou que seus jovens deverão ser importantes na sequência da temporada. (Leandro Silveira – Estadão Conteúdo)

SANTOS 2 x 1 DEPORTIVO LARA

Santos – João Paulo; Vinicius Balieiro, Kaiky, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Sandry (Gabriel Pirani) e Soteldo; Lucas Braga, Marcos Leonardo (Jean Mota) e Ângelo (Bruno Marques). Técnico: Ariel Holan

Deportivo Lara-VEN – Curiel; España, Anzola, Cristopher Rodríguez e Sifontes; Segovia (Castillo), Bueno, Melean, Barrios (Jesús Silva) e Darwin Gómez; Salazar (Ángel Sánchez). Técnico: Martín Brignani

Leia mais  Bernardinho assumirá seleção francesa de vôlei

Gols – Vinicius Balieiro, aos 5, Anzola, aos 7, e Kaiky, aos 25 minutos do 2º tempo

Árbitro – Andrés Matonte (Uruguai)

Cartões amarelos – Alison, Anzola, Martín Brignani, Darwin Gómez, Vinicius Balieiro e Castillo

Local – Vila Belmiro, em Santos (SP)

Comentários