Esporte

Fortaleza e Coritiba estreiam técnicos

A sequência de seis jogos sem vitória resultou na saída de Marcelo Chamusca, que foi demitido depois da derrota para o Sport,
Enderson Moreira, ex-Goiás, assumiu ontem o Leão do Pici. Crédito da foto: Bruno Oliveira / Fortaleza (8/1/2021)

O Fortaleza aposta na estreia do técnico Enderson Moreira para encerrar hoje (9), contra o Grêmio, o jejum de vitórias no Brasileirão. A partida está marcada para 21h e será realizada no Castelão.

A sequência de seis jogos sem vitória resultou na saída de Marcelo Chamusca, que foi demitido depois da derrota para o Sport, por 1 a 0, no Recife. Enderson assume o time cearense na 15ª posição, com 31 pontos, e a missão de permanecer na elite. Ele comandou seu primeiro treinamento ontem (8) e terá nove desfalques por causa da Covid-19: Tinga, Jackson, Juan Quintero, Juninho, Luiz Henrique, Mariano Vázquez, David e Bergson.

Já o Grêmio tem a chance de assumir a vice-liderança. São 13 partidas sem derrotas no Brasileirão e, com 38 pontos, está em quinto, colado em Flamengo e Atlético-MG, ambos com 39, e no rival Internacional, com 40. Como joga antes de todos na rodada, ganhar significa ascender para a segunda posição. Mas o técnico Renato Gaúcho tem seis desfalques: quatro poupados por causa do desgaste físico (o artilheiro Diego Souza, o goleiro Vanderlei, o zagueiro Kannemann e o meia Jean Pyerre) e outros dois machucados (Maicon e Pedro Geromel).

Leia mais  LSB agora é ‘Liga Somos Basquete’

Mais cedo, às 19h, no Couto Pereira, o Coritiba, lanterna do Brasileirão, com 21 pontos em 28 jogos, vai para o clássico Atle-tiba muito pressionado. Só a vitória interessa na estreia do técnico Gustavo Morínigo. E terá o desfalque de Rafinha, com dores no músculo adutor da coxa. Os lesionados Matheus Sales, Matheus Galdezani e Mattehus Oliveira estão fora. O Furacão, sem Nikão e Renato Kayzer, suspensos, e com o retorno de Walter, é o décimo, com 37 pontos. (Estadão Conteúdo)

Comentários