Buscar no Cruzeiro

Buscar

Acervo

F1 de volta! Confira pontos para prestar atenção na temporada

26 de Março de 2021

A temporada promete pegar fogo, com mudanças técnicas, problemas na Mercedes e troca de cadeiras. Crédito da foto: Nelson Almeida/AFP.

A Fórmula 1 está de volta! A primeira prova da temporada 2021 será neste domingo (28), no Bahrein, com primeiro treino livre nesta sexta-feira (26), às 8h30, e o classificatório no sábado (27), às 12h. Separamos a seguir uma série de tópicos para se prestar atenção neste ano. Confira!

1) Direitos de transmissão

Depois de mais de 40 anos passando na Globo, a F1 será transmitida na Band, com uma equipe de peso composta por Sérgio Maurício, Reginaldo Leme, Giaffone e Mariana Becker. Todas as 23 provas serão transmitidas na TV aberta, com treinos no Bandsports.

2) Recorde de corridas

Serão 23 corridas ao todo, com as estreias dos GPs da Holanda e da Árabia Saudita, além dos retornos das pistas de Imola e de Portimão. Locais e datas podem sofrer modificações em decorrência da pandemia de Covid-19 - o Brasil também volta para o calendário!

3) Oitavo título?

Lewis Hamilton é para onde todos vão olhar, afinal, o heptacampeão pode bater mais um recorde de Michael Schumacher e conquistar seu oitavo título nesta temporada. Para além disso, ele continuará ultrapassando outros números importantes, como vitórias, poles, pódios e por aí vai, mas o carro da Mercedes apresentou problemas na pré-temporada... Será que vem disputa mais acirrada por aí?

4) Mick Schumacher e novatos

Falando em Schumacher, seu filho, Mick, estreará na categoria em 2021, pela Haas, assim como seu colega de equipe, Nikita Mazepin, da Rússia. O japonês Yuki Tsunoda, da Alpha Tauri, também é outro novato, enquanto o experiente Fernando Alonso retorna às pistas pela Alpine, antiga Renault, com a qual foi bicampeão em 2005 e 2006.

5) E a Ferrari?

Pois é, depois de uma temporada 2020 assombrosa, a escuderia italiana pretende, pelo menos, alcançar mais pódios neste ano. Ao lado de Charles Leclerc, Carlos Sainz foi o escolhido, enquanto Sebastian Vettel foi para a Aston Martin. Outras cadeiras mudaram: Ricciardo na McLaren e Sergio Pérez na RBR ao lado de Max Verstappen.

6) Mudanças técnicas e esportivas

Uma mudança bastante significativa também entra em vigor em 2021: teto orçamentário de 145 milhões de dólares, que deve cobrir todos os pontos da gestão de uma equipe, excentuando alguns tópicos, como salários dos pilotos. Já nos carros, duas mudanças principais, nos assoalhos e aumento do peso mínimo.

7) Contra o relógio

Equipes e pilotos terão menos tempo para arrumar os carros, com uma hora em cada treino livre (antes 90 minutos), visando uma maior dinâmica e aproveitamento do tempo. (Da Redação)