Esporte

Com pedido de paciência, Crespo é apresentado no São Paulo

Argentino já se encontrou com elenco e falou pela primeira vez como técnico do clube
Crespo se encontrou com elenco antes de sua apresentação oficial como treinador do clube. Crédito da foto: Divulgação/SPFC.

O técnico Hernán Crespo foi oficialmente apresentado pelo São Paulo no início da tarde desta quarta-feira. Com conhecimento do time e posicionamento forte, agradeceu a diretoria pelo convite e disse que a torcida precisa ter paciência com o trabalho que começará a ser desenvolvido a partir do Campeonato Paulista.

“Agradeço a confiança da diretoria pela oportunidade num clube tão grande. É um orgulho. Seguramente vamos tentar fazer o melhor. Darei o melhor. Não cabe nenhuma dúvida (…)Para mim jogar bem é buscar o gol adversário e sofrer poucas chances. Isso requer tempo e paciência. Os dirigentes estão de acordo”, iniciou o argentino.

“Vamos precisar do apoio de todos jogadores do elenco, porque há uma quantidade enorme de jogos. Isso requer um esforço geral. Vamos ser competitivos nos torneios, com uma linha, uma identidade e com paciência para construir algo que possa durar pelo tempo e dar satisfação. É o que posso garantir”.

Crespo ainda disse que o elenco é talentoso e que não caberia a ele, neste momento, dizer quem fica e quem vai embora, mas garantiu que serão poucos reforços para a temporada de 2021. Quando informado que o dinheiro seria curto para as contratações, recebeu a notícia com bom-humor.

“Informação nova, me disseram que teria muito dinheiro, falaram que poderia comprar todos (risos). Não é isso, consertar o que tem, mas não se pode esquecer nunca de que América do Sul é uma fabrica exportadora de talentos, é procurar, identificar e achar”, analisou.

Leia mais  Estado de São Paulo tem alta de 8,4% em homicídios em janeiro

Confira abaixo o que Hernán Crespo falou em outros momentos da entrevista coletiva:

Ideias de Fernando Diniz

“Seguramente vamos aproveitar o trabalho feito pelo Fernando. Há um trabalho feito e merece muito respeito. Cada um tem sua forma de conduzir e ver o futebol. Acho que podemos acrescentar coisas ao trabalho, para dar um passo a mais numa construção feita há um ano. Muitas coisas estou de acordo e para outras vamos colocar algo novo”, observou.

Testes no Campeonato Paulista

“O São Paulo tem que jogar para competir, tentar ganhar os torneios. Não há magia. É necessário tempo, mas não tem que testar. Tem que confirmar, merecer estar no São Paulo. Cada um, e eu primeiro, merecer estar num lugar tao grande como São Paulo. Merecer e respeitar um campeonato com tanta tradição como é o Paulistão. Cada torneio tem um peso, mas o São Paulo tem de pensar em ir o mais longe possível, ganhar os jogos, mas com uma ideia, uma identidade, que nos permite buscar coisas importantes. Testar não, merecer”.

Conviver com pressão

“Toda minha vida futebolística como jogador foi conviver com pressão e superei pressão e me diverti muito conquistando. Minha intenção é voltar ao mesmo como treinador. Vamos estar à altura do que significa ser da comissão técnica do São Paulo. Podemos ter 1 milhão de ideias, mas sem a colaboração dos jogadores é impossível. Pelo contato que tive hoje, vi gente com gana, vontade, com fogo nos olhos de fazer coisas boas. Isso me enche de alegria e entusiasmo”.

Leia mais  Mancini ainda não joga a toalha

DNA vencedor

“No momento de dificuldade precisamos de certezas, vamos trabalhar pelas certezas, porque quando vier momento de dificuldade, vamos nos apoiar nessas certezas e nas convicções. O trabalho é dar certezas e convicções. É o que vamos buscar, porque o objetivo final é ganhar. Há muitas formas. Eu escolhi uma. A forma de respeitar a criança que temos dentro de nós, de nos associar, ser agressivo e protagonista, dono do seu destino. O São Paulo, como grande que é, tem que jogar no gol adversário. Sempre. Eu escolho esse caminho”.

Antes da coletiva, Crespo havia chegado mais cedo ao CT da Barra Funda e encontrou-se com alguns jogadores, como Daniel Alves e Juanfran, conforme fotos divulgadas pelo clube nas redes sociais. Marcos Vizolli continuará comandando a equipe de forma interina.

 

Comentários