Esporte

Arábia terá circuito de rua

Arábia terá circuito de rua
Pilotos poderão alcançar até 322km/h no traçado. Crédito da foto: Divulgação / F1

A direção da Fórmula 1 anunciou ontem (18) que o circuito de rua do GP da Arábia Saudita será o mais veloz do tipo na história da categoria. E, ao mesmo tempo, será o segundo mais longo do atual calendário da F1. A corrida a ser disputada na cidade saudita de Jeddah está marcada para 5 de dezembro.

De acordo com simulações, os pilotos poderão alcançar até 322km/h no traçado desenhado na beira do Mar Vermelho. Ao longo das 27 curvas do circuito, os carros poderão alcançar uma média de 252,8 km/h. Para efeito de comparação, o traçado de rua mais veloz da atualidade da F1 é o de Albert Park, em Melbourne. No GP da Austrália, a média é de 237,2 km/h.

“Não queremos aqueles circuitos de rua antigos, com curvas de até 90 graus. Queremos velocidade, traçados que desafiem os pilotos e para os quais eles amam voltar a pilotar. Queremos pistas onde possamos ter disputas roda a roda”, afirmou Ross Brawn, diretor esportivo da F1.

Leia mais  São Paulo confirma acerto com William até final da temporada

Além de veloz, o circuito saudita será mais longo que a média. Serão 6.175 km de extensão. Ou seja, será o segundo mais longo, atrás apenas do tradicional traçado de Spa-Francorchamps, na Bélgica. Entre as pistas de rua, a mais extensa até então era a de Baku, no Azerbaijão, com 6.003 km.

A corrida na Arábia Saudita será a penúltima do calendário deste ano, a ser encerrado novamente em Abu Dabi, no dia 12 de dezembro. A temporada 2021 vai bater recorde como a mais longa da história da F1, com suas 23 etapas previstas. (Estadão Conteúdo)

Comentários