Economia

Prévia do PIB do BC sobe 1,04% em janeiro

Prévia do PIB do BC sobe 1,04% em janeiro
Crédito da foto: Marcello Casal Jr. / Arquivo Agência Brasil

A economia brasileira começou 2021 em crescimento, segundo a prévia do Produto Interno Bruto (PIB), calculada pelo Banco Central. O órgão informou ontem que seu Índice de Atividade (IBC-Br) subiu 1,04% em janeiro ante dezembro, na série já livre de influências sazonais, uma espécie de compensação feita para comparar meses diferentes.

Após a forte retração nos meses de março e abril de 2020, em meio à pandemia do novo coronavírus, a atividade apresentou o nono mês consecutivo de alta. A variação do índice em janeiro é a maior desde setembro de 2020, quando havia subido 1,83%.

De dezembro para janeiro, o índice de atividade calculado pelo BC passou de 138,86 pontos para 140,30 pontos na série dessazonalizada. Esse é o maior patamar desde maio de 2015 (141,05 pontos). Em fevereiro de 2020, antes do início da pandemia no Brasil, o indicador estava em 140,02 pontos.

Leia mais  Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em abril

A alta do IBC-Br ficou dentro do intervalo projetado pelos analistas do mercado financeiro consultados pelo Projeções Broadcast, que esperavam resultado entre estabilidade (0,0%) e alta de 1,20%, com mediana positiva em 0,50%. Na comparação entre os meses de janeiro de 2021 e janeiro do ano passado, houve uma baixa de 0,46% na série sem ajustes sazonais.

Conhecido como uma espécie de “prévia do BC para o PIB”, o IBC-Br serve mais precisamente como parâmetro para avaliar o ritmo da economia brasileira ao longo dos meses. (Lorenna Rodrigues – Estadão Conteúdo)

Comentários