Economia

Leite e frango estão entre os 15 itens com redução de preço nos supermercados

Pesquisa da cesta básica sorocabana de novembro apontou quedas, mas cebola subiu mais de 40%
Leite e frango têm redução de preço
O casal Silvana e Rogério vê preços em vários supermercados. Crédito da foto: Erick Pinheiro

O valor da cesta básica sorocabana apresentou quase estabilidade entre outubro e novembro, passando de R$ 577,92 para 575,66, uma queda de 0,39%. No acumulado do ano, a cesta apresenta alta de 2,16%, mas esse valor é inferior à inflação medida pelo IPCA no mesmo período, que ficou em 3,59%. Os dados são do boletim mensal da cesta básica, da Universidade de Sorocaba (Uniso), que afere os preços de itens de alimentação, limpeza e higiene pessoal.

Tiveram maiores altas em novembro a cebola (44,3%), farinha de mandioca (5%), batata (4,1%) e achocolatado (3,2%). Por outro lado, leite longa vida (-12,6%), farinha de trigo (-6,4%), frango (-5%) e macarrão (-4%) foram os produtos com maiores reduções de preço.

Em 2018, depois de apresentar uma alta considerável em junho, a cesta básica passou a apresentar tendência de queda nos meses de julho a setembro, sendo interrompida apenas em outubro, já que o resultado de novembro registrou novamente uma queda no preço da cesta básica.

Leia mais  Uniso: pesquisadora debate o espaço e o tempo da arte na escola

Para os consumidores, o ritmo da queda ainda não foi suficiente para aliviar o orçamento doméstico. Os sorocabanos contam que ainda é preciso adotar medidas para economizar. como a pesquisa de preços e de descontos. “Eu pesquiso muito”, diz Francisca Tavares, de 78 anos. Ela relata que encontrou o preço menor do quilo da batata que no dia anterior tinha visto a R$ 3 em um supermercado

Para o casal Silvana Martins, 39, e Rogério Martins, 45, a chave é pesquisar em vários estabelecimentos. “Tem de procurar bem. É só pesquisando mesmo em vários supermercados”, conforme Silvana. Rogério conta que, além dos tradicionais folhetos de ofertas, também usa aplicativos para celular que costumam render preços e condições especiais.

Leite e frango têm redução de preço
A chuva prejudicou a colheita da cebola, que registrou alta. Crédito da foto: Fábio Rogério

Quedas e altas

Dos 34 itens pesquisados da cesta básica sorocabana, 15 apresentaram queda no preço em novembro.

Leia mais  Inflação oficial fecha 2018 em 3,75%, dentro da meta do Banco Central

O leite longa vida foi cotado a R$ 2,84 o litro em novembro ante R$ 3,25 em outubro. A diminuição do preço está relacionada à baixa demanda e também à maior produção registrada em outubro, favorecida pelo retorno das chuvas que contribuiu para a melhora das pastagens, que por sua vez têm um custo menor que outros meios alternativos e suplementares para alimentar os animais.

A farinha de trigo passando de R$ 3,90 o quilo em outubro para R$ 3,65 em novembro. Em terceiro lugar ficou o frango, cujo preço foi de R$ 6,18 o quilo em outubro para R$ 5,87 em novembro.
Já entre os produtos que apresentaram as maiores altas de preços em novembro, a cebola passou de R$ 1,60 o quilo em outubro para R$ 2,31 em novembro. De acordo com a pesquisa, a alta é devido às chuvas que ocorreram em grandes regiões produtoras e dificultaram a colheita, reduzindo assim a oferta.

Leia mais  Safra de grãos deve ser 3,1% maior que a de 2018, diz IBGE

O mesmo motivo também contribuiu para a alta do preço da batata, que custava em R$ 1,67 o quilo em outubro foi para R$ 1,74 em novembro.

A pesquisa completa da cesta básica sorocabana pode ser acessada no link www.uniso.br/laboratorios/labcsa/.

Comentários