Buscar no Cruzeiro

Buscar

Votorantim sedia festival de dança de rua em abril

18 de Fevereiro de 2020 às 00:01

Votorantim sedia festival de dança de rua em abril A competição reunirá diferentes modalidades das danças urbanas, como o hip hop, o house, popping e locking. Crédito da foto: Divulgação

Das ruas para o palco. Esse será o percurso de diferentes modalidades das danças urbanas, como o hip hop, o house, popping e locking, no 1º Festival de Dança de Rua de Votorantim, que acontecerá no dia 4 de abril, a partir das 14h, no Auditório Municipal Francisco Beranger. O evento inédito na cidade será promovido pela Secretaria de Cultura, Turismo e Lazer (Sectur), e voltado a grupos, academias e companhias de dança de toda a Região Metropolitana de Sorocaba (RMS).

O evento é organizado pela Fragmentos Cia. de Dança, de Votorantim, que também assina a curadoria do festival, e conta com o apoio da TV Votorantim (TVV), que transmitirá as apresentações em sua programação. O evento consiste em uma mostra competitiva, com júri formado por dois profissionais da área e especialistas nessa modalidade. Todos os participantes inscritos receberão “Medalha estímulo” e as três maiores médias do festival irão ganhar troféus e premiação em dinheiro, doada pela TVV. Conforme o regulamento, os valores são de R$ 150, R$ 300 e R$ 400 para as três primeiras colocações respectivamente.

Projeção

O titular da Sectur, Edson Cortez, afirma que essa primeira edição concentrará seu foco na fruição de grupos da região, mas a expectativa é que nas próximas o festival ganhe projeção nacional. “A proposta do festival é dar vazão a essa manifestação artística que já existe na cidade e na região, mas muitas vezes não encontra o devido espaço e apoio para proliferar ainda mais. A gente sabe que existem diversos artistas da região que se dedicam a essa linguagem e têm excelente desempenho, então nosso intuito é colocar mais chama nessa fogueira da dança de rua”, comenta.

Também como parte do festival, haverá atividades formativas no dia do evento. Os coreógrafos Régis Chaves e Ciça Veronese ministrarão oficinas de hip hop, a partir das 11h, no Aquário Cultura (av. Moacir Oséias Guiti, 41, ao lado da Praça de Eventos). As oficinas serão gratuitas e as inscrições deverão ser feitas no local instantes antes do início.

Inscrições

De acordo com o regulamento, as vagas para o festival competitivo são limitadas a até 30 coreografias e serão preenchidas por ordem de chegada. Ao atingir o tempo máximo disponível para as apresentações, as inscrições serão encerradas sem aviso prévio. Podem participar grupos com número mínimo de seis participantes, com idade a partir de 12 anos de idade.

Serão aceitas coreografias que se apropriem das técnicas e tendências das danças urbanas norte americanas, tais como hip hop dance e derivações, como o house, locking, popping, breaking, krumping, chicago footwork, jazz funk, wacking, vogue, entre outros. As inscrições são gratuitas e para participar é necessário solicitar o regulamento e a ficha de inscrição em contato com o e-mail [email protected]

O festival terá entrada gratuita para o público e os ingressos serão distribuídos com uma hora de antecedência no próprio auditório, que fica na rua avenida Vereador Newton Vieira Soares, 291, no Centro. (Felipe Shikama)