Cultura

Secretaria da Cultura lança Almanaque dos Museus

Publicação virtual adapta programação ao período de pandemia

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), anunciou ontem o lançamento do Almanaque dos Museus. Trata-se de uma publicação virtual voltada para crianças com idade entre 7 e 12 anos, preparada em função da impossibilidade de reunir presencialmente as crianças para a costumeira programação “Férias no Museu”, em razão da pandemia da Covid-19. O material será disponibilizado a partir de amanhã (dia 22) no site da Secult (cultura.sorocaba.sp.gov.br/).

Todo o conteúdo foi preparado e organizado pela equipe da Divisão de Patrimônio Histórico e Cultural da Secult. “O nosso objetivo é aproveitar as férias escolares para mostrar um pouco mais sobre a história e a cultura de Sorocaba e aproximar as crianças dos museus da cidade”, afirma o secretário da Cultura, Luiz Antônio Zamuner.

O Almanaque dos Museus aborda a história de Sorocaba, começando pelos primeiros habitantes da cidade, que foram os povos indígenas. A partir daí, passa pelos bandeirantes, negros e tropeiros até chegar aos operários e imigrantes, personagens que tiveram participação ativa na formação e desenvolvimento da cidade e do País.

Leia mais  Um dia de perdas para a música mundial

O material conta com ilustração e informações do acervo de espaços públicos, como o Museu da Estrada de Ferro Sorocabana (MEFS), Museu Histórico Sorocabano (MHS) e a Pinacoteca Municipal.

“A nossa programação do ‘Férias no Museu’ faz muito sucesso no período de férias. Contudo, neste ano, devido à pandemia, nos adaptamos ao cenário atual e preparamos esse almanaque gratuito para mostrar e aproximar as crianças da história da formação de Sorocaba e do acervo dos nossos espaços de forma lúdica, com brincadeiras e outros passatempos”, explica a museóloga Daniella Moreira, responsável pela elaboração do material, com a colaboração dos estagiários da Secretaria da Cultura.

Ao acessarem o conteúdo virtual as crianças também conhecerão alguns objetos do acervo dos museus sorocabanos. Entre eles, objetos encontrados em sítios arqueológicos da região, como pontas de flecha e a igaçaba, uma espécie de panela onde as tribos colocavam seus alimentos e também usavam como urna funerária, além de artefatos de indígenas de outras localidades do Brasil.

Após cada tema trabalhado, as crianças ainda poderão se divertir com caça-palavras, jogo dos 7 erros, imagens para colorir, desenhos e outros passatempos. (Da Redação, com informações da Secom Sorocaba)

Comentários