Buscar no Cruzeiro

Buscar

Liliana Alves expõe ‘Ausência autônoma’

27 de Dezembro de 2020 às 00:01

Liliana Alves expõe ‘Ausência autônoma’ Exposição foi contemplada em edital de ocupação da Pinacoteca Municipal. Crédito da foto: Divulgação

A artista visual sorocabana Liliana Alves, que há duas semanas foi premiada no Salão de Arte Contemporânea Luiz Sacilotto, de Santo André, um dos mais importantes do Brasil, terá uma nova exposição individual virtual que será aberta amanhã (28) na página da Secretaria de Cultura de Sorocaba (Secult) no Facebook.

A mostra intitulada “Ausência autônoma”, contemplada em um edital de ocupação da Pinacoteca Municipal e inicialmente prevista para ocorrer em agosto precisou ser adiada e devido à pandemia de Covid-19 será apresentada ao público em formato virtual. Os trabalhos e pesquisa da linguagem visual da artista poderão ser conferidos em um vídeo-registro, gravado no último dia 22 no Chalé Francês, sede da Pinacoteca Municipal.

O registro audiovisual permite que o visitante contemple quadros fixados nas paredes das duas salas da pinacoteca. “Ausência autônoma” tem curadoria de Cristina Delanhesi, presidente do Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba (Macs) e reúne obras que retratam uma série de objetos triviais do cotidiano, como mesas, cadeiras, cinzeiros, entre outros. “São motivos nos quais eu procuro dar dignidade e criar uma curiosidade em torno deles ao pintar”, afirma.

Liliana Alves expõe ‘Ausência autônoma’ Em alguns trabalhos, a artista se apropria do suporte para aprofundar a pesquisa da pintura. Crédito da foto: Divulgação

A primeira sala exibirá duas telas da série “Lençóis”, óleo sobre tela. A segunda sala exibirá onze trabalhos em papelão, também óleo sobre papelão, série em que a artista se apropria do suporte para aprofundar a sua pesquisa da pintura. “As obras, em óleo e acrílico sobre tela executados, na maioria, produzidos já em meio à pandemia e que seriam expostas nas outras salas, serão exibidos na forma de imagens independentes.

O vídeo conta ainda com depoimentos de Liliana Alves e Cristina Delanhesi. O intuito, destaca Liliana, é que a mostra seja acessível ao maior número de pessoas. A exposição poderá ser conferida em www.facebook.com/secretariadaculturadesorocaba. (Felipe Shikama)