Cultura

Exposição de designer japonês destaca o vestuário do futuro

A exposição “A light un light” tem como proposta despertar o público para o vestuário do futuro
Kunihiko Morinaga se baseia nas inovações da indústria para desenvolver peças que fogem da silhueta padrão. Crédito da foto: Divulgação.

A moda contemporânea do Japão é uma das opções de lazer e cultura para os sorocabanos que desejam ir a São Paulo neste feriadão prolongado. Em cartaz na Japan House São Paulo, na avenida Paulista, a exposição “A light un light” tem como proposta despertar o público para o vestuário do futuro. A mostra, que permanece até 6 de janeiro, apresenta itens criados pelo designer japonês Kunihiko Morinaga que, em uma combinação perfeita entre alta tecnologia e inspirações em elementos simples ou pequenos detalhes, surpreende pela inovação em suas criações.

Reconhecido por sua criatividade visionária, Morinaga captura a sutileza do cotidiano, muitas vezes imperceptível, para criar o design da marca nipônica Anrealage, da qual é fundador. O estilista se baseia nas contínuas inovações da indústria e na qualidade técnica para desenvolver peças que fogem da silhueta padrão, introduzem novos formatos e valorizam diferentes conceitos tecnológicos, propondo ainda uma reavaliação de como a moda do futuro é vista, vestida e pensada.

Leia mais  Secult e Sorocabana discutem retomada do Trem Turístico

Mais do que apenas uma exibição das suas obras e de seus experimentos, a intenção da mostra é abordar uma nova percepção da realidade por meio das peças. A partir do nome da marca que é uma combinação dos termos un (irreal), real (real) e age (idade) em inglês, o estilista convida o público a reinterpretar o conceito de inovação: em vez de simplesmente fazer roupas novas, o trabalho da marca pensa o fazer roupas de formas diferentes.

“A light un light” surge para ampliar esta proposta, destacando peças de coleções da marca já apresentadas nas semanas de moda de Paris, que estarão localizadas no segundo andar do centro cultural. O público brasileiro poderá ver de perto uma retrospectiva da Anrealage e roupas com a temática da luz, que revelam novos meios de ver e utilizar materiais, empregando desde técnicas de ilusão, até novas tecnologias de tecidos fotossensíveis.
O fascínio declarado de Morinaga pelo brilho da luz, reforça este importante viés do seu trabalho. “No mercado da moda, a luz é considerada um detrimento à roupa; é a causa de descoloração e deterioração. Para esse projeto, investiguei minuciosamente a mistura entre a luz e o tecido. Como resultado, vi a valorização do design e a beleza fenomenal que existe entre os dois”, conta.
As últimas coleções da marca (2011-2018) apropriaram-se de tecnologias como o corante fotocrômico, a retro reflexão e a realidade aumentada, como novas maneiras de aprimorar a experiência cotidiana da moda. “A inovação presente no trabalho de Morinaga é algo surpreendente, seja pelo ponto de vista fashion ou da tecnologia. Observamos uma moda de extrema sofisticação técnica e estética, permeada pela delicadeza e perfeição tipicamente japonesa”, comenta Natasha Barzaghi Geenen, diretora Cultural da Japan House São Paulo.

Serviço
Exposição “A light un light”.
Até 6 de janeiro
Japan House São Paulo (Avenida Paulista, 52, São Paulo)
De terça-feira a sábado, das 10h às 22h. Domingos e feriados, das 10h às 18h
Entrada gratuita

Comentários