Cultura

Escolas de Samba desfilam segunda (4) e terça (5) em Sorocaba

Oito agremiações passarão pelo sambódromo instalado na avenida em frente à Prefeitura
Escolas de Samba desfilam amanhã e terça
Não haverá cobrança de ingresso para as áreas comuns. Já para a arquibancada, o público deverá trocar por um quilo de alimento não-perecível ou um litro de leite. Crédito da foto: Fábio Rogério

 

Atualizada às 11h42 (04/03/2019)

 

Oito agremiações carnavalescas da cidade vão participar do Desfile das Escolas de Samba de Sorocaba, que ocorrerá na segunda-feira (4), a partir das 20h, e na terça (5), a partir das 19h, no sambódromo que está instalado na avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, entre a Biblioteca Municipal e o Paço. A abertura contará com o desfile da Corte de Momo e a entrega da chave da cidade.

Segundo a Prefeitura, não haverá cobrança de ingresso para as áreas comuns. Já para a arquibancada, atendendo proposta das escolas de samba para um Carnaval Solidário, o público deverá trocar um quilo de alimento não-perecível ou um litro de leite pelo ingresso. Toda a arrecadação será destinada ao Fundo Social de Solidariedade de Sorocaba (FSS).

Leia mais  Representante da Estrela da Vila vence concurso de fantasias

 

O evento integra a programação oficial do Carnaval 2019 da Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), e é realizado em parceria com União Sorocabana das Escolas de Samba (Uses).

Obedecendo a ordem definida por sorteio, na segunda (4) desfilam Unidos do Cativeiro, Estrela da Vila e Gaviões da Fiel. A Unidos da Vila Habiteto, que seria a primeira a entrar na avenida, desistiu de participar do desfile. Com isso, afirma Edmilson Chelles Martins, coordenador de Eventos da Secult, o horário foi preenchido pelo grupo religioso de afoxé Omo Iya Omi, que irá abrir o Carnaval; bateria da escola Planeta Negro e Banda Marcial de Sorocaba. “Como ela [Unidos da Vila Habiteto] comunicou a desistência apenas na quinta-feira nós não temos como remanejar as escolas e desarticular toda a logística que estava programa”, afirmou.

Já no segundo dia, o desfile ocorrerá na seguinte ordem: Império do Parque das Águas, 28 de Setembro, Furiosa Real, III Centenário e Mocidade.

Antes das escolas de samba se apresentarem, haverá a abertura com o bloco “Arte sem Barreiras”, que tem como objetivo promover a inclusão de pessoas com deficiência, seja física ou intelectual.

Sambódromo

A montagem da estrutura do sambódromo foi finalizada na última quinta-feira (28). De acordo com a Secult, a vistoria foi realizada e aprovada no mesmo dia pelo Corpo de Bombeiros. A passagem de som e teste geral está agendada para hoje. Segundo a Secult, o espaço contará com postos de segurança partilhados pela Polícia Militar e Guarda Civil Municipal, posto da Fiscalização, além de bases do Conselho Tutelar e do Samu-192.

No local, também serão disponibilizados 24 banheiros individuais, sendo quatro para pessoas com deficiência. A estrutura também contará com uma Praça de Alimentação e será proibida a entrada com latas e garrafas de cerveja. Bolsões de estacionamento estarão disponíveis na região.

Trânsito

A Urbes – Trânsito e Transportes realizará desvios no trânsito para o Desfile das Escolas de Samba. A avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, no sentido Bairro-Centro, será interditada nos dois dias a partir das 17h e permanecerá fechada até o encerramento do desfile. No sentido contrário, uma pista será interditada no mesmo período.

As orientações aos motoristas que estiverem vindo da avenida Dom Aguirre é para que acessem a avenida Professor Joaquim Silva, desviem à direita na Alameda Itanhaém, virem à esquerda na rua Domingos Sola, à direita na rua João Guariglia, à direita na rua Felisbina Roque da Rosa, até chegar na avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes.

Já quem vier da avenida Independência, deve entrar à direita e seguir pela avenida Rudolf Dafferner e continuar pela avenida Professor Joaquim Silva. Quem quiser seguir sentido avenida São Paulo, deve entrar à esquerda na Alameda Ubatuba, à direita na Alameda Santos, à esquerda na Alameda Itanhaém, à esquerda na rua Domingos Sola, à direita na João Guariglia, à direita na rua Felisbina Roque da Rosa, saindo na avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes novamente. O local será sinalizado com placas indicando os desvios e terá a presença de agentes de trânsito durante todo o evento carnavalesco. (Felipe Shikama)

Comentários