Brasil Covid-19

Com novo recorde, País soma 2,1 mil mortes por Covid-19

Em São Paulo, Estado com maior número de casos e de mortes, há registro de 12.841 pessoas infectadas e 928 óbitos
Com novo recorde, País soma 2,1 mil mortes
Crédito da foto: Spencer Platt / Getty Images / AFP (31/3/2020)

Em novo recorde, o Brasil registrou 217 mortes decorrentes do novo coronavírus nas últimas 24 horas. Com isso, o número de óbitos por Covid-19 passou para 2.141 nesta sexta-feira (17), de acordo com dados divulgados pelo Ministério da Saúde.

No mesmo dia, o País também atingiu o maior número de casos confirmados de Covid-19 em um único dia, com 3.257 novos registros de pessoas contaminadas de quinta-feira para esta sexta. No total, o Ministério da Saúde tem a informação de que 33.682 testaram positivo para o novo coronavírus até o momento. A taxa de letalidade está em 6,4%.

A região mais afetada pelo novo coronavírus é o Sudeste, com 56,6% dos casos, seguida pelo Nordeste (22,2%), Norte (9,4%), Sul (7,7%) e Centro-Oeste (4,1%).

Em São Paulo, Estado com maior número de casos e de mortes decorrentes da doença no País, há registro de 12.841 pessoas infectadas e 928 óbitos. Diante do cenário, o governador João Doria (PSDB) anunciou que vai prorrogar a quarentena até o dia 10 de maio.

O Rio de Janeiro aparece em segundo lugar, com 4.249 casos confirmados e 341 mortes, seguido pelo Ceará (3.684 casos confirmados de covid-19 e 149 mortes), Pernambuco (2.006 casos e 186 mortes registradas), e Amazonas (1.809 casos registrados e 145 mortes).

Leia mais  Fiocruz deve assinar transferência de tecnologia do IFA até março

O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), vem criticando a população pela baixa adesão ao isolamento em Manaus e trocou o secretário de Saúde, Rodrigo Tobias, após ele anunciar que a rede estadual estava a 5% do colapso. (Estadão Conteúdo)

Comentários