Buscar no Cruzeiro

Buscar

No cardápio da TV nunca pode faltar o arroz com feijão bem temperado

15 de Abril de 2021 às 07:01

No cardápio da TV nunca pode faltar o arroz com feijão bem temperado Tatá e Paolla Oliveira em gravação de “Lady Night”. Crédito da foto: Divulgação

Flávio Ricco, com colaboração de José Carlos Nery

Na televisão, principalmente a nossa, simplicidade tem que ser a palavra de ordem e, desde o começo, nunca foi diferente. Não por acaso os registros de vários desastres quando alguns resolvem fazer programas para eles mesmos.

A última fase do “Zorra”, por exemplo. Bem ajeitadinho, acadêmico e sem graça nenhuma. Outro, “Fora de Hora”, da mesma Globo, ou “Superpoderosas”, na Band. Além de muitos, que já caíram no esquecimento.

Pode passar o tempo e até o perfil do telespectador ter mudado um pouco, mas mesmo com exigências maiores, o bom e infalível cardápio da TV aberta é sempre o arroz com feijão bem temperado.

Neste período da pandemia, diante de tantas dificuldades, verifica-se que a grande maioria das emissoras caiu na real. O supérfluo foi colocado de lado e o conteúdo veio a ser privilegiado, não só no jornalismo, mas em outros diferentes setores de produção.

Hoje, trabalha-se na certeza, sempre buscando atender a expectativa do público.

As experiências, claro, podem continuar sendo feitas, mas para isso existem os canais da TV paga, em seus diversos segmentos. “Lady Night”, da Tatá Werneck, por exemplo, deu tanto certo lá, que conquistou espaço na Globo. É por aí.

Assim, assim

O digital é o futuro. Discussão zero sobre isso, não por acaso os muitos investimentos que são feitos.

Mas quem assistiu PSG e Bayern pelo Facebook teve saudades da velha e boa televisão. Imagina alguma coisa bem cheia de problemas, pois bem, foi mais que isso.

Santa paciência

Com a bola de PSG e Bayern rolando, a transmissão travou zilhões de vezes. Isso, desse jeito, até um determinado momento, que travou de vez.

Um desespero. No fim, só recorrendo a outros recursos para saber se o PSG tinha se classificado ou não.

Fora da curva

A grande maioria dos programas de culinária peca pela mesmice.

As naturais dificuldades para apresentar algo diferente devem ser convenientemente dribladas. Isso, um pouco, é o que vem fazendo o “Desvendando Cozinhas”, do Raul Lemos na Rede TV!. Pelo menos foi o que mostrou na estreia de segunda-feira.

Mamãe

No cardápio da TV nunca pode faltar o arroz com feijão bem temperado Crédito da foto: Reprodução / Instagram

Janaina Xavier (foto), apresentadora do SporTV, falou da sua nova gravidez.

Toda feliz anunciou a chegada de Maria Vitória para daqui seis meses. Jana já é mãe de uma outra menina, Maria Eduarda.

Lembra?

Em janeiro, neste sagrado espaço, foi anunciado que em março, o “Jornal da Manhã”, da Jovem Pan, seria transmitido pelo canal “History” a partir de 1º de março. Não foi. Atrasou.

Mas começou ontem, superadas algumas dificuldades técnicas.