Canal 1

Lolla na Globo

MariMoon vai apresentar os melhores momentos do Lollapalooza na Globo
Lolla na Globo
Crédito da foto: Victor Pollak / Tv Globo

Flávio Ricco, com colaboração de José Carlos Nery

Pelo quarto ano consecutivo, Mariana Alves Lima, a MariMoon vai apresentar os melhores momentos do Lollapalooza na Globo, de sexta a domingo próximos. Já no dia 13, a Globo terá ainda um especial reunindo os melhores momentos de todo o festival — com direção-geral de Aída Silva.

Dependência absoluta

É curioso observar como em determinados pontos a televisão dos dias atuais deixa muito a desejar à que havia no começo.

Bem lá atrás, na primeira década, quando só existiam Tupi, Paulista e Record, em São Paulo, Tupi, Rio e Continental, no Rio de Janeiro, as suas operações se iniciavam invariavelmente ao meio-dia e iam até meia-noite. E era tudo muito na raça. Doze horas direto de programações montadas aqui, com recursos próximos de zero, ao vivo e criatividade a mil.

Hoje, são zilhões de emissoras no ar 24 horas, de maneira geral produzindo quase nada, a maioria a ponto de vender os seus espaços, total ou parcialmente, para igrejas e outros do ramo. Mesmo entre as principais, o percentual de produções próprias é insignificante, diante dos tantos formatos e novelas de fora, filmes, desenhos animados e por aí afora.

Isto sem contar que a lei do menor esforço se espalhou da forma mais nefasta possível, a ponto de não se criar quase mais nada e tornar essas tantas TVs reféns das grandes produtoras internacionais, só obedecendo ao que chega em detalhados manuais.

Aliás, já de alguns anos, no lugar dos verdadeiros diretores de televisão, surgiu a classe dos ledores de cartilhas, os que só se preocupam ou se dão ao trabalho de executar o que determinam esses prontuários. Braço curto. Não existe nem o meio termo.

Um retrocesso dos mais perigosos, tornando a operação da TV, cada dia mais cara, indolente, inviável e desinteressante.

Band contrata

A Band praticamente definiu a contratação de Antonio Zimmerle, que durante muito tempo dirigiu a programação da TV Globo em São Paulo, até deixar a emissora em novembro passado, após 38 anos de serviços prestados. Teve ainda, antes disso, uma pequena passagem na cabeça de rede, no Rio, trabalhando ao lado de Amauri Soares. Profissional respeitado no mercado, Zimmerle fechou negociação com a Band para assumir a direção de programação nacional. Marco Antonio Zago, até então responsável pela pasta, foi transferido para a Opec e responderá como diretor nacional do setor que organiza toda a operação comercial. A Band, consultada, ainda não fala sobre o assunto, mas é possível antecipar que, possivelmente no dia de hoje, a emissora deverá divulgar uma nota oficial a respeito.

Vai indo

Tudo indica que a estreia do “Aqui na Band”, com Silvia Poppovic e Luiz Ernesto Lacombe, direção do Vildomar Batista, será mesmo no próximo dia 15. O que se informa é que já existe o “sinal verde” para o lançamento, após a parte comercial ter caminhado de maneira bem satisfatória.

Convite aceito

A produção da Maísa, do SBT, convidou a Xuxa para ser entrevistada no programa. Ela topou e a Record já autorizou gravar. Só o dia não será revelado por enquanto, porque existe o desejo de armar uma “surpresa”.

Também não

Nos interiores do SBT também se informa de um convite da mesma produção da Maísa para uma entrevista com Pedro Bial. Só que no caso dele não deu. A Globo, alegando uma questão institucional, não permitiu. Ainda assim, de próprio punho, o Bial mandou um bilhete dos mais carinhosos para a Maísa.

Ele não voltou

Silvio Santos, que todo mundo esperava sua volta neste último final de semana, continua nos Estados Unidos. Férias esticadas de novo. É curiosa a situação. Todo santo dia, praticamente, ele telefona para alguém no SBT, fala dos mais diversos assuntos, mas nunca diz quando vai voltar. E ninguém tem coragem de perguntar. Sempre foi assim.

Comentários