Canal 1

Globo transporta elenco de “Filhos da pátria” para outro período histórico

Globo transporta elenco de “Filhos da pátria” para outro período histórico
Crédito da foto: Paulo Belote / Tv Globo

Flávio Ricco, com colaboração de José Carlos Nery

A Globo começou a gravar a segunda temporada da série “Filhos da pátria”, escrita por Bruno Mazzeo e com estreia no segundo semestre. O interessante é que serão os mesmos personagens da primeira, liderados pela família Bulhosa, que viviam em 1822 e agora desembarcam no Brasil dos anos 1930.

“Esse movimento de trazer os mesmos personagens para outro período histórico é algo inédito na dramaturgia e muito estimulante. Os comentários críticos e os posicionamentos daquela família serão experimentados em um novo lugar, o que amplia nossos desafios e nos dá a liberdade de reinventar dentro de um mesmo produto”, explica o diretor o artístico da série, Felipe Joffily.

Em novo cenário, Geraldo Bulhosa (Alexandre Nero) trabalha no funcionalismo público; a esposa, Maria Teresa (Fernanda Torres), segue obcecada por fazer parte da alta sociedade; o filho Geraldinho (Johnny Massaro), continua inconsequente e “matador de aulas”; a filha Catarina (Lara Tremouroux), uma feminista, luta por salários iguais entre homens e mulheres e o direito ao voto, e Lucélia (Jéssica Ellen), escrava antes, ressurge como empregada dos Bulhosa, em um tempo em que o direito à folga é uma afronta.

Leia mais  Reality de empoderamento

Se nada mudar, a série “Filhos da pátria” viajará ainda por outros diferentes períodos históricos, reunindo o mesmo elenco, até chegar aos dias atuais. Ou seja, tem ainda muito argumento para contar.

Reta final – No domingo, dia 16, às 18h haverá a exibição do episódio de encerramento do “Batalha makers Brasil” no Discovery. O programa começará com três finalistas mas somente dois disputarão a finalíssima em um duelo de robôs.

Futuro – O “Batalha makers Brasil”, apresentado por Marcelo Tas, ainda não tem uma segunda temporada assegurada. Consultado, o Discovery informa que “por enquanto não há uma previsão”.

Fim de papo – De 19 de julho a 1º de novembro, a Globo vai exibir a terceira e última temporada da série “Máquina mortífera”. Damon Wayans e Seann William Scott lideram a produção.

Leia mais  Desligamento

Caras novas – As gravações da próxima temporada da “Escolinha do professor Raimundo” foram encerradas e uma nova já está assegurada. Só que o elenco trará novidades. Não chega a ser uma reformulação, mas devem sair 3 ou 4 nomes do grupo atual.

Expresso 1 – O especialista em tecnologia, Ronaldo Lemos, está fazendo uma imersão no universo da inovação da gigante China por conta das gravações da terceira temporada do “Expresso futuro”, do Canal Futura. Serão 10 episódios e previsão de estreia em agosto.

Expresso 2 – “A China se transformou em um gigantesco laboratório de experimentação. Não existe só uma China, mas várias. Cada uma adotando um modelo de organizar e inovar diferente…”, explica o profissional. Ele já passou por cidades como Shenzhen, Hangzhou e Qindao.

Vai ter festa – Duas semanas antes da estreia da CNN Brasil, haverá um grande evento em São Paulo, com a presença de todos os contratados, entre eles, William Waack e Evaristo Costa. O canal de notícias tem previsão de iniciar seus trabalhos em outubro.

Leia mais  Altas Horas

E elas? – Em se tratando de apresentadoras, a CNN não anunciou nenhuma até o momento, mas vários nomes circulam já há algum tempo nos bastidores. Casos de Rachel Sheherazade e Mariana Ferrão — não confirmados pela emissora –, além de Adriana Araújo e Izabella Camargo.

Triângulo – Em “Bom sucesso”, a próxima novela das sete, na Globo, Yasmin Gomlevsky fará a Thaíssa, uma das editoras da Prado Monteiro. É para ela que a tímida Evelyn(Mariana Molina), assistente de marketing, pede ajuda para conquistar, Felipe(Arthur Sales), também editor. O plano dá certo e Evelyn e Felipe começam a namorar. O problema é que Thaíssa também se apaixona pelo rapaz.

Comentários

CLASSICRUZEIRO