fbpx
Canal 1

Festa literária

Festa literária
Crédito da foto: Tv Globo / Mauricio Fidalgo

Flávio Ricco, com colaboração de José Carlos Nery

Depois de levar o debate sobre adaptação literária para televisão à Flip, no Rio, a Globo vai participar pela primeira vez da Flipelô — Festa Literária Internacional do Pelourinho. Mariana Ximenes, Edney Silvestre e Ricardo Linhares estarão no evento neste domingo para falar sobre a minissérie “Se eu fechar os olhos agora”.

Novelas não se preocupam em contar histórias diferentes

As novelas estão se repetindo. O que se verifica é que mesmo com autores diferentes, quadro em permanente renovação, e elencos cada dia mais calibrados, as histórias são as velhas conhecidas de sempre.

Em se tratando de Globo, “Bom sucesso” começou agora, quase nada é possível falar, mas verifica-se que em “Órfãos da terra” e “A dona do pedaço”, por exemplo, são colocadas situações que as suas antecessoras cansaram de abordar. Será que houve um esgotamento de temas ou de criatividade? Ou por que se insiste tanto em certas similaridades? No fundo, no fundo, nada vai além de história do mocinho ou mocinha contra bandido?

Leia mais  Em pé

No cartaz de agora, Alice Wegmann faz as vezes da vilã, a todo do mal, na novela das seis e Agatha Moreira, nos próximos capítulos, ficará ainda pior do que foi até agora na das nove. Nada diferente do que sempre foi, as vinganças floreadas, com os diversos pares se formando no caminho e um inevitável final feliz. Repare, a fórmula ou cartilha é única, no máximo com algumas pequenas variáveis.

DM – Elizabeth Savalla vai ficar um tempo longe da TV e, portanto, não se confirma sua entrada no elenco de “Salve-se quem puder”, a próxima novela das sete. A prioridade da atriz no momento é a recuperação de uma cirurgia no quadril, que ela acabou adiando por três anos em função de vários trabalhos seguidos.

Leia mais  Cinema

Turnê – Daqui uma semana, dia 17, no Credicard Hall, estreia “Xuxa xou”, novo show da Xuxa, que vem com a proposta de atravessar gerações. A de fazer uma viagem no tempo. Começa em São Paulo, para depois correr todo o Brasil. Realização da Time For Fun e Microfone, empresa do Celso Giunti.

Neymar Jr. – Um documentário sobre a vida do Neymar, da sua infância até chegar aos grandes clubes europeus, teve verba aprovada pela Ancine. Valor total: R$ 1.695.060. Solicitação da produtora Canal Azul.

Em cima disso – Consultada, a ESPN admite que existe interesse na exibição deste documentário do Neymar. No entanto, nada mais pode ser adiantado sobre ele, porque há a necessidade de esperar pelos desdobramentos burocráticos.

Tremendão também – Depois do filme, agora Erasmo Carlos terá a sua vida e carreira retratadas em um documentário de 70 minutos, com produção da Cineluz e estreia no canal Curta!, ainda sem data. Direção de Sandra Werneck, que pretende mostrar tanto o lado romântico quanto o rebelde do cantor, através do olhar feminino de suas amigas e parceiras musicais.

Leia mais  Fim de ano

Louvável – O trabalho do Atílio Bari, produzindo, dirigindo e apresentando o “Persona em foco”, na TV Cultura, merece o melhor dos reconhecimentos. Poucas vezes o teatro recebeu tratamento tão digno da televisão. O foco do programa é sempre destacar os grandes valores do nosso palco, agora às sextas-feiras, 22h30.

Trabalhando – Sob a direção de Alexandre Souza, Marcos Mion gravou as primeiras chamadas da nova “Fazenda”. A ordem, na Record, é começar a colocar o programa na vitrine. Estreia em 11 de setembro.

Ainda não – A direção de jornalismo da Record, por aí se entenda Antonio Guerreiro, ainda está para definir a data de estreia do “JR — 24 horas”. Tudo está sendo feito para ser ainda em agosto ou, mais tardar, nos primeiros dias de setembro.

Comentários