fbpx
Canal 1

Duração

Duração
Crédito da foto: Zé Paulo Cardeal / Tv Globo

Flávo Ricco, com colaboração de José Carlos Nery

O horário do “Hora 1”, como já noticiado, pesou muito na decisão de Monalisa Perrone em trocar a Globo pela CNN Brasil. Porém, outro fator teve um peso importante: a duração de contrato. Em busca de estabilidade, ela pediu um vínculo de quatro anos e foi prontamente atendida.

As misturanças que existem entre a política e o futebol

A troca do treinador do Palmeiras, demissão de Luiz Felipe Scolari e a contratação de Mano Menezes, foi um assunto frequente nos programas esportivos em toda essa semana. Nada foi tão falado e discutido. Talvez porque aquele que chega, ainda não tem toda a torcida a favor, e o que saiu, há bem poucos dias, foi carregado nos braços, inclusive pelo presidente Bolsonaro.

Aliás, nem sei se ele deu algum palpite nessa troca. Presidente entrar em campo e se meter em assuntos do futebol, não chega a ser nenhuma novidade.

Leia mais  Vilão ameaça ofuscar estrelas da próxima novela das nove, “Amor de mãe”

Um caso que entrou para a história foi o de 1970, quando o então presidente da República, general Emílio Garrastazzu Médici, disse que gostaria de ver Dario Maravilha na seleção.

João Saldanha, técnico e contrário àquilo tudo, ao saber, respondeu de bate-pronto: “Nem eu escalo o ministério, nem o presidente escala o time”.

Aos costumes da época, o “João sem medo” perdeu o emprego duas semanas depois. E a primeira coisa que seu substituto, Zagallo, fez, foi convocar o atacante Dario, que acabou campeão do mundo sem entrar em campo.

Em produção – Fabrício Boliveira continua muito disputado pelo cinema. Depois de “Simonal”, ele vem aí com “Breve miragem de sol”, no papel de Paulo, um desempregado e recém-divorciado que sai com seu táxi pelas noites do Rio de Janeiro e se envolve nas histórias de alguns passageiros.

Não tem isso – Apesar dos tantos nomes especulados ou chutados, ninguém foi convidado para assumir a apresentação do “Jornal da noite” na Band. Por enquanto, como já foi informado por aqui, Sérgio Gabriel vai continuar e pronto.

Leia mais  Entrevista

Do trabalho – Silvio Santos tem procurado manter seu ritmo de trabalho no SBT, com gravações — dia sim, dia não, além de sempre se colocar à frente das principais questões. E não pensa em alterar essa rotina, entre elas diminuir a duração do seu programa semanal,

Independência – O jornalista Willian Corrêa agora tem seu próprio canal no YouTube, o “Antenados América”, um espaço independente, segundo ele, para a reflexão de temas relevantes e relacionados com o cotidiano das pessoas. Toda quinta-feira é postado um vídeo diferente.

Craque – Claudio Zaidan vai entrar para o time titular do jornal “Gente”, das 9h às 10h da manhã, na rádio Bandeirantes. Zaidan, meio que redundância repetir, é um dos profissionais mais respeitados deste meio.

Previsão – O diretor Carlos Araújo trabalha com a possibilidade de estrear “Éramos seis”, dia 30 de setembro, em substituição a “Órfãos da terra”, pelo menos com 20 capítulos fechados. Ou até mais que isso. É a folga que a dramaturgia da Globo, daqui em diante, espera trabalhar.

Leia mais  Segunda fase

Vou ali – Val Marchiori se desligou do “Tricotando” da Rede TV!. A decisão, comunicada ao diretor Ricardo de Barros, foi determinada por compromissos particulares e outros, profissionais, em Portugal. A porta ficou aberta para uma possível volta lá na frente.

Especulação – Após ser anunciada a saída de Marcelo Parada da direção comercial do SBT — ele fica no cargo até o final do mês, começaram a surgir especulações sobre o seu substituto. Guilherme Stoliar, hoje na presidência do Grupo Silvio Santos, aparece entre os mais votados.

Comentários

CLASSICRUZEIRO