Brasil

Trem direto entre Luz e Cumbica começa a operar

A composição vai funcionar de segunda a sexta-feira e cumprirá o trajeto em 35 minutos
O Expresso Guarulhos da Linha 13 da CPTM realizou a viagem inaugural do trecho que liga a Estação da Luz e o Aeroporto de Guarulhos. Crédito da foto: Bruno Rocha / Fotoarena / Estadão Conteúdo

Começou a operar nesta terça-feira (16) o serviço de trem direto que vai ligar a Estação da Luz, no centro de São Paulo, ao Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, Guarulhos. Segundo a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), o bilhete do Airport Express vai custar R$ 8 e o embarque e o desembarque serão realizados em plataformas exclusivas.

O serviço havia sido prometido para agosto. A composição vai funcionar de segunda a sexta-feira e cumprirá o trajeto em 35 minutos.

Inaugurada no fim de março, a Estação Aeroporto-Guarulhos, da Linha 13-Jade, dá acesso ao Terminal 1 de Cumbica, onde operam as empresas aéreas Azul e Passaredo. Já para chegar aos outros terminais é preciso pegar um ônibus gratuito, oferecido pela GRU-Airport, concessionária responsável pelo aeroporto.

Segundo a CPTM, o primeiro trem vai partir às 10h da Estação da Luz e não fará nenhuma parada durante a viagem. Lá, também haverá trens às 12h, 14h, 16h e 22h. Por sua vez, as composições na Estação Aeroporto-Guarulhos saem às 9h, 11h, 13h, 15h e 21h.

Outro serviço, o Connect, funciona desde o dia 3 de outubro e liga a Estação Brás a Cumbica. O trem, no entanto, para nas estações e a tarifa é comum, de R$ 4. No sentido Brás, as viagens do Connect são feitas, de segunda a sexta, às 6h20, 7h, 7h40, 18h, 18h40 e 19h20. Aos sábados, o trem sai às 6h20, 7h e 7h40. No sentido aeroporto, os horários são 6h25, 7h05, 7h45, 18h05, 18h45 e 19h25, de segunda a sexta; e 6h25, 7h05 e 7h45, aos sábados. O serviço não funciona aos domingos.

Leia mais  Reunião com governadores do Sudeste tem bate-boca entre Bolsonaro e Doria

Intervalos

Na Linha 13, os trens circulam com intervalo de 20 minutos nos horários de maior movimento (entre 5 e 8 horas e entre 17 e 20 horas), em dias de semana. No fim de semana e demais horários, o intervalo é de 30 minutos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo. (Bruno Ribeiro – Estadão Conteúdo)

Comentários