Brasil

Reforma da Previdência é aprovada em 1º turno na Câmara com 379 votos

Segundo o presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ), Câmara vai votar o projeto em dois turnos nesta semana



Plenário rejeita votação fatiada e inicia análise de mérito da reforma da Previdência. Crédito da Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (10), em primeiro turno, a reforma da Previdência. Foram 379 votos em favor do texto-base da reforma e 131 contrários — índice mais favorável ao Governo do que esperava o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, cuja expectativa era de atingir até 355 votos favoráveis.

Os cinco deputados da Região Metropolitana de Sorocaba (RMS) votaram favoravelmente ao texto-base: Guiga Peixoto (PSL), Guilherme Derrite (PP), Herculano Passos (MDB), Jefferson Campos (PSB) e Vitor Lippi (PSDB).

O presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que a Câmara vai conseguir votar o projeto em dois turnos ainda esta semana.

Leia mais  Câmara inicia votação da reforma da Previdência na manhã desta quarta

 

O plenário da Câmara só começou a discutir o texto principal da reforma após cinco horas de sessão. Por volta das 17h, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) abriu as discussões para a votação do texto do relator Samuel Moreira (PSDB-SP).

O último requerimento de retirada de pauta foi rejeitado por 314 votos contrários e 25 favoráveis, com duas abstenções. O número de destaques foi reduzido depois que o Plenário rejeitou emendas individuais, mantendo somente as emendas de bancada. (Com informações da Agência Brasil e Estadão Conteúdo)

Confira como foi a votação ao vivo:

 

Comentários

CLASSICRUZEIRO