fbpx
Brasil

PF diz que Adelio fez atentado contra Bolsonaro por ‘inconformismo político’

Outro inquérito foi aberto para averiguar se outras pessoas participaram do crime, mas a conclusão do primeiro é que ele agiu sozinho
Adelio Bispo detido por seguranças e policiais após ter esfaqueado Jair Bolsonaro. Crédito da foto: Guilherme Leite/ Folhapres

 

O delegado da Polícia Federal que preside o inquérito que investiga o atentado contra o deputado Jair Bolsonaro (PSL-RJ), Rodrigo Morais, afirmou nesta sexta-feira (28), na sede da PF, em Brasília, que a polícia concluiu a investigação e apontou como motivação do preso, Adelio Oliveira, o “inconformismo político”.

“Ficou claro que o motivo realmente era o inconformismo politico do senhor Adélio em razão de discordar de algumas opiniões políticas. de alguns discursos políticos que o candidato [Bolsonaro] de então defendia”, disse Morais.

Outro inquérito foi aberto para averiguar se outras pessoas participaram do crime, mas a conclusão do primeiro é que ele agiu sozinho. (Folhapress)

Comentários