Brasil

Parceria entre Unesp e Embraer viabiliza testes para São Paulo

A parceria permitirá a automatização da etapa inicial do processamento dos testes moleculares

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) e a Embraer firmaram uma parceria para viabilizar o processamento de 40 mil testes de diagnóstico da Covid-19 a serem realizados nas regiões de São José dos Campos, Araraquara e Botucatu, no interior de São Paulo.

O material coletado será enviado para as unidades da Unesp dedicadas ao processamento da metodologia RT-qPCR (teste molecular), exame considerado padrão-ouro para o diagnóstico do novo coronavírus. A expectativa é que o resultado saia em até 16 horas após o recebimento das amostras pelo laboratório. O acordo prevê um prazo de até seis meses para a realização dos 40 mil testes.

Em razão da situação de emergência em saúde pública, o acordo prevê um prazo de até seis meses para a realização dos 40 mil testes. De acordo com o pesquisador João Pessoa Araújo Junior, professor do Instituto de Biociências da Unesp, no campus Botucatu, a parceria permitirá a automatização da etapa inicial do processamento dos testes moleculares em alguns laboratórios da instituição. (Da Redação)

Comentários