Brasil

Operação mira Prefeitura de Campinas e prende dono do grupo RAC

Ação do Gaeco investiga desvios de recursos públicos do Hospital Ouro Verde
Movimentação na empresa Greenlav Lavanderia, onde policiais realizaram operação de busca e apreensão. Foto: Luciano Claudino / Código 19 / Estadão Conteúdo

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) do Ministério Público, com o apoio do Baep (Batalhão de Operações Especiais da PM), deflagrou a 3ª Fase da Operação Ouro Verde na manhã desta quinta-feira (22). Segundo o portal A CidadeOn Campinas, a ação prendeu o empresário Sylvino de Godoy proprietário do Grupo RAC – que publica os jornais Correio Popular, Notícia Já e Revista Metrópole. O mandado de prisão é temporário.

Ainda conforme informações do portal, além de Sylvino, a operação está cumprindo sete mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão nas cidades de Campinas, Jundiaí, Serra Negra e São Paulo. Na Prefeitura, o Ministério Público faz buscas no gabinete do secretário de Assuntos Jurídicos, Silvio Bernardin.

Dentre os investigados além de Bernadin, estão dois ex-diretores do Hospital Ouro Verde e quatro empresários. Os alvos são investigados pelos crimes de organização criminosa, corrupção, peculato e lavagem de dinheiro.

A operação que foi batizada de Reação e investiga desvios de recursos públicos do Hospital Ouro Verde em Campinas. Nesta etapa, apurou-se o desvio de mais de R$ 2 milhões de recursos públicos, em esquema criminoso que envolveu o direcionamento de contratação de fornecedores com preços superfaturados e a entrega de vantagens indevidas a agentes públicos.

Esses valores se somam às quantias apuradas na 1ª e 2ª fases da Operação Ouro Verde, ocorridas em novembro do ano passado e em março deste ano, totalizando a apuração, até então, de cerca de R$ 7 milhões foram desviados dos cofres públicos no período de gestão da Organização Social Vitale no Hospital Ouro Verde.

Desde cedo os policiais estão na Prefeitura de Campinas e no condomínio de luxo Chácaras do Alto no bairro Nova Campinas onde mora o empresário. (Com informações do portal A CIdadeOn Campinas)

Comentários